Prognósticos e notícias de apostas

Ultimate Fighting Championship

Nesta página você vai encontrar artigos sobre Ultimate Fighting Championship.
football line
No UFC do Rio de Janeiro, Betboo tem seguro grátis contra finalização rápida
Betboo

O Rio de Janeiro será o cenário neste sábado, 11 de maio, do UFC 237. Com início marcado para 18h15 (horário de Brasília), o evento tem 12 combates programados. O card principal, que não começará antes das 23h (horário de Brasília), oferece aos usuários da plataforma de apostas esportivas uma vantagem na hora de disparar os bilhetes.

Aposte agora com Betboo!
Eles contarão com um seguro grátis contra finalização rápida. Dessa maneira, quem acertar o palpite receberá o valor combinado de acordo com as cotações estabelecidas no momento da conclusão do cupom de apostas. No entanto, quem não tiver sucesso terá reembolsado 50% do valor do primeiro bilhete perdido se a definição da luta ocorrer no primeiro assalto. Esse benefício vale para os seguintes duelos:

Peso palha: Rose Namajunas x Jéssica Bate-Estaca
Peso médio: Jared Cannonier x Anderson Silva
Peso pena: José Aldo x Alexander Volkanovski
Peso meio-médio: Thiago Pitbull x Laureano Staropoli
Peso meio-pesado: Rogério Minotouro x Ryan Spann

Como funciona a promoção

Para contar com o seguro grátis, no entanto, é preciso acessar a página de promoções de Betboo, localizar o texto que fala da oferta e clicar no botão “participar”. Isso significará a aceitação dos termos e condições da promoção, que estão disponíveis no mesmo local.

A partir de então serão contabilizados todos os cupons de apostas simples, com cotação igual ou superior a 1,20 nos combates do card principal. Aquelas que forem acertadas vão render o valor combinado de acordo com a cotação em vigor no momento da conclusão do bilhete.

No entanto, se o combate for encerrado no primeiro assalto, o site de jogos online promete devolver 50% do investimento da aposta perdida que tiver o valor mais alto. O reembolso é feito como bônus e tem limite de R$ 150.

Apostas encerradas e feitas ao vivo não são contabilizadas para receber o benefício, que será creditado automaticamente. Assim que o valor for depositado na conta não poderá ser sacado imediatamente. A retirada só será autorizada depois que o dinheiro for investido ao menos cinco vezes em apostas esportivas com cotação igual ou superior a 1,50. Essa regra deverá ser cumprida em no máximo 30 dias.

football line
Palpite: Jon Jones x Anthony Smith – Prognóstico 2/3/2019 – UFC 235
Prognósticos de apostas

Jon Jones x Anthony Smith

*Cotações para este combate

1 2
1,10 7,00

Nosso palpite para Jon Jones x Anthony Smith: Jon Jones

*As cotações estavam disponíveis às 9h24 de 1/3/2019 na plataforma de apostas esportivas de Betfair


Aposte agora com Betfair!

As informações e o palpite para Jon Jones x Anthony Smith

A disputa do título dos meio-pesados é a grande atração da edição 235 do Ultimate Fighting Championship que acontece neste sábado, 2 de março, na T-Mobile Arena, em Paradise (Nevada, Estados Unidos). O norte-americano Jon Jones vai defender o cinturão contra o compatriota Anthony Smith no último dos 12 combates previstos para o evento, que tem início agendado para 20h30 (horário de Brasília). Os duelos do card principal só devem começar na madrugada de domingo, 3 de março.

Card principal

Peso meio-pesado: Jon Jones x Anthony Smith
Peso meio-médio: Tyron Woodley x Kamaru Usman
Peso meio-médio: Ben Askren x Robbie Lawler
Peso palha: Tecia Torres x Weili Zhang
Peso galo: Cody Garbrandt x Pedro Munhoz

Card preliminar

Peso pena: Jeremy Stephens x Zabit Magomedsharipov
Peso meio-pesado: Misha Cirkunov x Johnny Walker
Peso galo: Alejandro Perez x Cody Stamann
Peso meio-médio: Diego Sanchez x Mickey Gall
Peso médio: Charles Byrd x Edmen Shahbazyan
Peso galo: Gina Mazany x Macy Chiasson
Peso galo: Marlon Vera x Frankie Saenz
Peso palha: Polyana Viana x Hannah Cifers

O desempenho recente de Jon Jones

Jon Jones precisou de 14 combates para alcançar o título mundial pela primeira vez. Isso aconteceu no UFC 128, que foi realizado em marcou de 2011 em Newark (Nova Jérsei, Estados Unidos). Derrotou, por nocaute no terceiro assalto, a Mauricio Rua iniciando era que durou quatro anos, oito defesas – um recorde.

Sem adversários capazes de batê-lo no octógono, Jones teve a si mesmo como maior rival. Perdeu o título por problemas de conduta, mas recuperou-o logo a seguir, de forma interina, no UFC 197, em abril de 2016, em Las Vegas (Nevada), ao bater Ovince Saint-Preux por decisão unânime de jurados. Mais uma vez não conseguiu conservar o cinturão. Dessa vez, perdeu o título por uso de substâncias irregulares.

Mais de um ano depois, a história se repetiu. No UFC 214, em julho de 2017, em Anaheim (Califórnia, Estados Unidos), Jones bateu Daniel Cormier por nocaute. Mas o resultado no octógono não se sustentou após exame antidoping mostrar novamente que o lutador recorreu à substância proibida.

O Ultimate Fighting Championship manteve a categoria sem campeão até seu retorno após a suspensão, que aconteceu com a vitória por nocaute contra Alexander Gustafsson em dezembro do ano passado no UFC 232, que precisou, inclusive, ser mudado de lugar, devido à legislação antidoping de Nevada, que não aceitou receber o combate. Para acolher Jones, a luta foi levada para Inglewood, na Califórnia, onde a legislação é mais liberal.

O lutador de 31 anos tem, no total da carreira, 25 combates realizados e 23 vitórias desde 2008. Foram dez nocautes, seis submissões e sete sucessos por pontos. Perdeu uma vez, foi desqualificado em uma ocasião e uma de suas lutas foi anulada.

A forma atual de Anthony Smith

Com 30 anos, Anthony Smith é faixa preta em jiu-jítsu e tem uma carreira bem mais produtiva. Na ativa desde 2008, assim como Jon Jones, realizou um número bem maior de combates. Foram 44. Os resultados, no entanto, são significativamente inferiores.

Ele deixou o octógono como vencedor em 31 ocasiões. Dos sucessos, fora, 17 por nocaute, 11 por submissão e somente dois por decisão dos jurados. As derrotas aconteceram em 13 oportunidades. Foram oito por nocaute, quatro por submissão e uma por pontos.

Chegou a ser campeão em outras entidades, mas não no Ultimate Fighting Championship, onde só recentemente conseguiu sua melhor série de desempenho, justamente quando mudou de categoria. Fez sua estreia entre os meio-pesados superando Rashad Evans, por nocaute, no UFC 225, em junho de 2018, em Chicago (Illinois, Estados Unidos).

Depois, bateu Mauricio Rua, também por nocaute, no UFC Fight Night de Hamburgo (Alemanha), em julho de 2018. Por fim, passou por Volkan Oezdemir, dessa vez por submissão, no UFC Fight Night de Moncton (Canadá), em outubro de 2018. Nessas duas ocasiões, ganhou o prêmio de performance da noite.

Prognóstico final para Jon Jones x Anthony Smith

A uma imensa diferença técnica entre Jon Jones e os demais lutadores da categoria. Tanto que ele mantém a hegemonia mesmo com tantos problemas fora do octógono e reconquista o título sem maiores dificuldades em seu retorno. Apesar de nem sempre conseguir mantê-lo. Na hora do combate, no entanto, o prognóstico em sua vitória é mesmo a melhor opção.

Prognóstico para Jon Jones x Anthony Smith – vitória de Jon Jones – cotação* de 1,10 na plataforma de apostas esportivas de Betfair.

*A cotação estava disponível às 9h55 de 1/3/2019 na plataforma de apostas esportivas de Betfair

football line
No UFC 234, finalização rápida garante dinheiro na conta em Betboo
Betboo

A disputa do título mundial da categoria médios é a grande atração da edição 234 do Ultimate Fighting Championship, que será realizado neste sábado, 9 de fevereiro, na Arena Rod Laver, em Melbourne, na Austrália. A disputa do cinturão envolve Robert Whittaker x Kelvin Gastelum.

Aposte agora com Betboo!
Não é, contudo, o único destaque da programação que tem 12 combates e tem início agendado para 21h30 (horário de Brasília). Também vão duelar o brasileiro Anderson Silva e o nigeriano Israel Adesanya.

Os duelos do card principal, que conta ainda com os combates Rani Yahya x Ricky Simón, Devonte Smith x Ma Dong Hyun e Jim Crute x Sam Alvey viraram alvo da promoção “Bônus 1º Round”, de Betboo. Ela oferece um seguro grátis contra finalização rápida nas lutas mais importantes do evento, que deve prosseguir até a madrugada de domingo, 10 de fevereiro.

Como funciona a promoção

Antes de começar a criar cupons de aposta nos combates, no entanto, é preciso acessar a página de promoções de Betboo, localizar o texto que fala do UFC 234 e clicar no botão “participar”. Isso significará a aceitação dos termos e condições da oferta, que estão disponíveis no mesmo local, e abrirá o processo de contabilização dos bilhetes.

A casa irá considerar para conceder o benefício todos os bilhetes simples usando os mercados disponíveis para os combates que tenham cotação igual ou superior a 1,20. Se a luta onde a aposta for feita for definida no primeiro assalto, quem tiver bilhetes perdidos receberá 50% do investimento feito naquele de maior valor em forma de bônus. As regras da promoção estabelecem em R$ 150 o limite para esse benefício.

O site de jogos online promete depositar o valor de forma automática na conta. O valor, no entanto, não ficará liberado para saque. Terá que ser investido ao menos cinco vezes em bilhetes esportivos com cotação igual ou superior a 1,50 antes que isso aconteça. Tal exigência deverá ser cumprida no período máximo de 30 dias. Se isso não ocorrer não apenas o bônus será cancelado como possíveis ganhos provenientes de seu uso.

football line
Palpite: Robert Whittaker x Kelvin Gastelum – Prognóstico 9/2/2019 – UFC 234
Prognósticos de apostas

Prognóstico para Robert Whittaker x Kelvin Gastelum

*Cotações para este combate

1 2
1,40 2,80

Nosso palpite para Robert Whittaker x Kelvin Gastelum: vitória de Whittaker

*As cotações estavam disponíveis às 17h35 de 8/2/2019 na plataforma de apostas esportivas de Betboo


Aposte agora com Betboo!

As informações e o palpite para Robert Whittaker x Kelvin Gastelum

A disputa pelo cinturão da categoria médios do Ultimate Fighting Championship é a grande atração do UFC 234, que será realizado neste sábado, 9 de fevereiro, na Rod Laver Arena, em Melbourne, na Austrália. Robert Whittaker, detentor do título, fará a defesa do cinturão contra Kelvin Gastelum no último dos 12 combates programados para o evento, que tem início previsto para 21h30 (horário de Brasília). As lutas do card principal, no entanto, irão acontecer somente na madrugada de domingo, 10 de fevereiro.

Card principal

Peso médio: Robert Whittaker x Kelvin Gastelum
Peso médio: Israel Adesanya x Anderson Silva
Peso galo: Rani Yahya x Ricky Simón
Peso leve: Devonte Smith x Ma Dong Hyun
Peso meio-pesado: Jim Crute x Sam Alvey

Card preliminar

Peso pena: Austin Arnett x Shane Young
Peso mosca: Montana de la Rosa x Nadia Kassem
Peso mosca: Kai Kara-France x Raulian Paiva
Peso galo: Teruto Ishihara x Kyung Ho Kang
Peso leve: Lando Vannata x Marcos Rosa
Peso leve: Jalin Turner x Callan Potter
Peso galo: Wuliji Buren x Jonathan Martinez

O desempenho recente de Robert Whittaker

Nascido há 28 anos em South Auckland, na Nova Zelândia, Robert Whittaker deverá contar com o apoio da torcida local em primeira defesa do cinturão. Ele venceu o título, de maneira interina, ao superar Yoel Romero no UFC 213, que foi realizado em julho de 2017 em Las Vegas (Nevada, Estados Unidos). No entanto, pouco depois da luta, definida por decisão unânime dos jurados, foi declarado campeão.

A princípio, a defesa inicial do título deveria ter sido feita no UFC 225, em junho de 2018, em Chicago (Illinois, Estados Unidos). Yoel Romero ganhou o direito de fazer a revanche com Whittaker. No entanto, ultrapassou o peso máximo estabelecido para a categoria. Assim, a luta perdeu o caráter decisivo. O neozelandês venceu novamente, mas dessa vez por decisão dividida dos jurados. Os dois combates ganharam o prêmio de performance da noite.

Com formação em caratê, hapkido, boxe, luta livre e jiu-jítsu, Whittaker realizou 24 lutas de artes marciais mistas. Ganhou vinte delas, sendo nove por nocaute, seis por submissão e cinco por pontos. Das quatro derrotas, uma foi por nocaute, uma por submissão e duas por decisão dos jurados.

Sua carreira pode ser dividida em três etapas distintas. Logo no começo, foi empolgante com sete vitórias consecutivas. Nas oito lutas seguintes, foi bastante irregular. Nessa fase, sofreu as quatro derrotas. Porém, desde então, emplacou oito vitórias consecutivas até atingir o topo da categoria.

A forma atual de Kelvin Gastelum

Nascido em San Jose (Califórnia, Estados Unidos), Kelvin Gastelum tem 27 anos e começou nos octógonos em 2010. Faixa preta em jiu-jitsu, ele realizou 19 combates vencendo 15 deles. Foram seis nocautes, quatro sucessos por submissão e cinco por pontos. Das três derrotas, uma foi por submissão e duas por decisão dos juízes.

Uma de suas vitórias mais marcantes, no entanto, foi anulada. Ele derrotou o brasileiro Victor Belford, uma lenda do MMA, no UFC Fight Night de Fortaleza, em março de 2017. No entanto, exame antidoping indicou que ele havia consumido maconha, o que provocou a reversão do resultado.

Seu confronto mais recente foi no Brasil. Em maio de 2018, no UFC 224, derrotou por decisão dividida dos jurados a Ronaldo de Souza em combate que ganhou o prêmio de luta da noite.

Prognóstico final para Robert Whittaker x Kelvin Gastelum

Com vitórias seguidas e convincentes e, de quebra, tendo a oportunidade de contar com o apoio da maioria dos torcedores, Robert Whittaker tem o prognóstico em sua vitória diante de Kelvin Gastelum no combate mais importante do UFC 234 como melhor opção.

Prognóstico para Robert Whittaker x Kelvin Gastelum – vitória de Robert Whittaker – cotação* de 1,40 na plataforma de apostas esportivas de Betboo.

*A cotação estava disponível às 17h35 de 8/2/2019 na plataforma de apostas
esportivas de Betboo

football line
Palpite: Jon Jones x Alexander Gustafsson – Prognóstico 30/12/2018 – UFC 232
Prognósticos de apostas

Prognóstico para Jon Jones x Alexander Gustafsson

*Cotações para esta luta

1 2
1,36 3,25

Nosso palpite para Jon Jones x Alexander Gustafsson: Jon Jones

*As cotações estavam disponíveis às 12h44 de 26/12/2018 na plataforma de apostas esportivas de Bet365


Aposte agora com Bet365!

As informações e o palpite para Jon Jones x Alexander Gustafsson

Depois de muita controvérsia, Jon Jones e Alexander Gustafsson vão disputar na madrugada deste domingo, 30 de dezembro, o cinturão dos pesos meio-pesados. A luta é principal entre as 13 programadas para o UFC edição 232.

Betmotion lança promoção dupla para UFC 232 e garante bônus para depósito e finalização rápida nas disputas de título mundial!

O evento estava agendado para Las Vegas. No entanto, foi transferido para Los Angeles. Isso porque na Califórnia a legislação em relação aos procedimentos antidoping é mais liberal e Jon Jones foi flagrado pelo uso de esteroides. Por isso, as autoridades do estado de Nevada não permitiram que ele lutasse na capital mundial do jogo.

O card preliminar tem está programado para começar às 21h30 (horário de Brasília). O principal será disputado a partir da 1h30 e tem duas lutas valendo títulos mundiais.

Card principal

Peso meio-pesado: Jon Jones x Alexander Gustafsson
Peso pena: Cris Cyborg x Amanda Nunes
Peso meio-médio: Carlos Condit x Michael Chiesa
Peso meio-pesado: Ilir Latifi x Corey Anderson
Peso pena: Chad Mendes x Alex Volkanovski

Card preliminar

Peso pesado: Andrei Arlovski x Walt Harris
Peso pena: Cat Zingano x Megan Anderson
Peso galo: Douglas D’Silva x Petr Yan
Peso leve: B.J. Penn x Ryan Hall
Peso galo: Nathaniel Wood x Andre Ewell
Peso médio: Uriah Hall x Bevon Lewis
Peso meio-médio: Curtis Millender x Siyar Bahadurzada
Peso galo: Montel Jackson x Brian Kelleher

O desempenho recente de Jon Jones

Ser flagrado pelo uso de substâncias irregulares em exames de controle de doping não é algo novo na carreira de Jonathan Dwight Jones. Considerado um dos maiores nomes na história das artes marciais mistas, isso aconteceu algumas vezes. Inclusive é o motivo de o cinturão dos meio-pesados estar vago.

No UFC 214, que foi disputado em Anaheim (Califórnia, Estados Unidos), Jon Jones venceu o combate pelo cinturão ao nocautear o compatriota Daniel Cormier no terceiro assalto, em 29 de julho de 2017. Porém, o resultado foi anulado após teste mostrar a presença da substância turinabol em sua urina.

As frequentes acusações de doping são a mancha constante na carreira de Jones. Nas artes marciais mistas desde 2008, ele realizou 24 combates e ganhou 22. Foram sete por decisão dos juízes e 15 encerrados antecipadamente, seja por nocaute (nove) ou submissão (seis). Sofreu uma derrota por desqualificação e teve a luta com Comier considerada nula. Além disso, foi suspenso por um ano devido ao uso da substância irregular.

Não foi a única vez que teve seu título mundial cassado. Isso também aconteceu em 2015 quando depois de ter derrotado Comier no UFC 182, realizado em janeiro daquele ano em Las Vegas, se envolveu em acidente automobilístico sendo acusado de fugir sem prestar socorro. Só voltou a lutar pouco mais de um ano depois.

A forma atual de Alexander Gustafsson

Nascido na cidade sueca de Arboga, também há 31 anos, Alexander Lars-Åke Gustafsson tem uma carreira bem mais tranquila que Jones, ainda que menos brilhante. Ele começou nas artes marciais mistas em 2007, mas até 2009 se dividiu em lutas de boxe. Só então resolveu dedicar-se exclusivamente à modalidade.

Realizou 22 combates e ganhou 18, sendo quatro por decisão dos jurados e 14 de forma antecipada: 11 por nocaute e três por submissão. As derrotas foram quatro: uma por nocaute, uma por submissão e duas por pontos.

Teve duas oportunidades de disputar o título dos meio-pesados. A primeira foi no UFC 165 realizado na cidade canadense de Toronto. O combate foi justamente contra Jon Jones, em 21 de setembro de 2013. Perdeu por decisão unânime dos jurados.

A segunda chance aconteceu no UFC 192, que foi disputado em Houston, Texas, em 3 de outubro, 2015. Foi batido por Daniel Cormier por decisão dividida dos juízes.
Fez dois combates desde então. Abriu seu caminho para a terceira oportunidade de disputar o terceiro título mundial superando Jan Blachowicz (decisão unânime dos jurados) no UFC Fight Night de Hamburgo, Alemanha, em setembro de 2016; e Glover Teixeira (nocaute) no UFC Fight Night de Estocolmo, Suécia, em maio de 2017.

Prognóstico final para Jon Jones x Alexander Gustafsson

Não há muita dúvida em relação à imensa superioridade técnica de Jon Jones em relação à Alexander Gustafsson. Na realidade, Jones é melhor do que qualquer outro lutador em atividade em sua categoria. Só tem sido derrotado por ele mesmo. Assim, quando os dois estiverem no octógono, o prognóstico em sua vitória é o mais adequado, ainda que ele possa até mesmo não prevalecer dependendo do que o exame antidoping a ser realizado após a luta vai mostrar.

Prognóstico para Jon Jones x Alexander Gustafsson – vitória de Jon Jones – cotação de 1,36 na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

football line
Palpite: Max Holloway x Brian Ortega – Prognóstico 9/12/2018 – UFC 231
Prognósticos de apostas

Prognóstico para Max Holloway x Brian Ortega

*Cotações para esta luta

1 2
1,90 1,90

Nosso palpite para Max Holloway x Brian Ortega: Ortega

*As cotações estavam disponíveis às 16h24 de 7/12/2018 na plataforma de apostas esportivas de Bet365


Aposte agora com Bet365!

As informações e o palpite para Max Holloway x Brian Ortega

Dois títulos mundiais estarão em jogo na madrugada deste domingo, 9 de dezembro, no card principal da edição 231 do UFC. O evento, que conta com 13 combates, será realizado na Scotiabank Arena, em Toronto, no Canadá. O card preliminar tem início previsto para 21h (horário de Brasília) de sábado, 8 de dezembro, mas as lutas principais não começarão antes da 1h.

Promoção de Betmotion para UFC 231 tem seguro grátis contra finalização rápida!

A maior atração é a última delas. Max Holloway fará a defesa do título mundial dos pesos penas na versão do Ultimate Fighting Championship contra Brian Ortega. A programação do evento tem os seguintes encontros:

Card principal

Peso pena: Max Holloway x Brian Ortega
Peso mosca: Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk
Peso meio-pesado: Jimi Manuwa x Thiago Marreta
Peso meio-médio: Alex Cowboy x Gunnar Nelson
Peso pena: Hakeem Dawodu x Kyle Bochniak

Card preliminar

Peso palha: Cláudia Gadelha x Nina Ansaroff
Peso mosca: Katlyn Chookagian x Jessica Eye
Peso médio: Elias Theodorou x Eryk Anders
Peso leve: Olivier Aubin-Mercier x Gilbert Durinho
Peso meio-pesado: Devin Clark x Aleksandar Rakic
Peso galo: Brad Katona x Matthew Lopez
Peso meio-médio: Chad Laprise x Dhiego Lima
Peso leve: Carlos Diego Ferreira x Jesse Ronson

O desempenho recente de Max Holloway

Nascido em Honolulu, no Havaí, o norte-americano Max Holloway tem 27 anos e fará sua segunda defesa do cinturão. A primeira foi contra o brasileiro José Aldo no UFC 218, em dezembro de 2017, em Detroit (Michigan, Estados Unidos), a quem derrotou, naquela ocasião, por nocaute.

O combate foi o segundo entre eles. Antes, haviam se cruzado no UFC 212 em junho de 2017 no Rio de Janeiro. O duelo serviu para unificar o cinturão da categoria. Holloway também saiu vencedor por nocaute.

O norte-americano havia conquistado o título mundial na edição 206 do UFC, que teve como sede justamente a cidade canadense de Toronto. Ele bateu, por nocaute técnico, a Anthony Pettis. Foi proclamado apenas campeão interino porque o rival não conseguiu se apresentar na pesagem dentro das regras estabelecidas para categoria.

Nas artes marciais mistas desde 2010, Holloway, que tem 1,80 metro, apresenta 22 lutas em seu cartel com 19 vitórias, sendo 11 por nocaute (nove) ou finalização (duas) e oito por decisão dos jurados. Venceu as doze últimas lutas. As derrotas foram três, sendo uma por finalização e duas por pontos.

O desempenho recente de Brian Ortega

Ortega também é norte-americano e assim como Holloway tem 27 anos. Nasceu em San Pedro, região metropolitana de Los Angeles, na Califórnia. Teve sua formação em jiu-jitsu e boxe. Contando ainda com nacionalidade mexicana, atua nos octógonos das artes marciais mistas desde 2010.

Entrou em ação para 15 combates e saiu vencedor em 14 oportunidades. Foram quatro sucessos por decisão dos juízes e dez por finalização rápida, sendo três por nocaute e sete por finalização.

Ainda não foi derrotado. Um de seus combates teve o resultado declarado nulo, apesar de ele ter deixado octógono como vencedor por finalização contra Mike de la Torre no UFC on Fox de San Jose (California) em julho de 2014. O resultado foi revertido após exame antidoping ter revelado que Ortega usou cocaína antes do combate.

Prognóstico final para Max Holloway x Brian Ortega

Tanto Holloway quanto Ortega apresentam um retrospecto impressionante de combates. O campeão venceu suas 12 últimas lutas e mostrou clara superioridade contra o experiente José Aldo,um dos nomes mais respeitados das artes marciais mistas. No entanto, problemas pessoas o forçaram a abrir um intervalo grande entre suas defesas de título.

Ortega fez sua luta mais recente em março e teve sua vitória contra Frankie Edgard no UFC 222 considerada a performance da noite, o que sinaliza estar em melhor forma. Por isso, o prognóstico em sua vitória parece ser a melhor opção diante do grande equilíbrio teórico do duelo principal do UFC 231.

Prognóstico para Max Holloway x Brian Ortega – vitória de Ortega – cotação de 1,90 na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

football line
Palpite: Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk – Prognóstico 9/12/2018 – UFC 231
Prognósticos de apostas

Prognóstico para Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk

*Cotações para esta luta

1 2
1,28 3,75

Nosso palpite para Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk: Schevchenko

*As cotações estavam disponíveis às 15h41 de 7/12/2018 na plataforma de apostas esportivas de Bet365


Aposte agora com Bet365!

As informações e o palpite para Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk

Será conhecida na madrugada deste domingo, 10 de dezembro, a nova dona do cinturão da categoria peso mosca do Ultimate Fighting Championship. O título, que está vago, será preenchido com o nome da vencedora do duelo envolvendo Valentina Schevchenko, do Quirquistão, e Joanna Jedrzejczyk, da Polônia. Elas farão o penúltimo dos cinco combates previstos pelo card principal da edição 231 do UFC, que será realizada na Scotiabank Arena, em Toronto, no Canadá, a partir da 1h (horário de Brasília).

Promoção de Betmotion para UFC 231 tem seguro grátis contra finalização rápida!

No total, o evento tem 13 eventos, sendo que o card preliminar será iniciado às 21h de sábado, 9 de dezembro. A programação completa estabelece os seguintes confrontos:

Card principal

Peso pena: Max Holloway x Brian Ortega
Peso mosca: Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk
Peso meio-pesado: Jimi Manuwa x Thiago Marreta
Peso meio-médio: Alex Cowboy x Gunnar Nelson
Peso pena: Hakeem Dawodu x Kyle Bochniak

Card preliminar

Peso palha: Cláudia Gadelha x Nina Ansaroff
Peso mosca: Katlyn Chookagian x Jessica Eye
Peso médio: Elias Theodorou x Eryk Anders
Peso leve: Olivier Aubin-Mercier x Gilbert Durinho
Peso meio-pesado: Devin Clark x Aleksandar Rakic
Peso galo: Brad Katona x Matthew Lopez
Peso meio-médio: Chad Laprise x Dhiego Lima
Peso leve: Carlos Diego Ferreira x Jesse Ronson

O desempenho recente de Valentina Shevchenko

Aos 30 anos, Valentina Schevchenko nasceu na extinta União Soviética e luta com a nacionalidade do Quirsquistão, apesar de também ter passaporte peruano. Tem o apelido de Bullet (Bala) e 1,65 metro.

Com formação em muay thay, taekwondo, boxe e judô, tem uma carreira relativamente curta nas artes marciais mistas com 18 combates realizados. Foram 15 vitórias, sendo 11 por decisão rápida: quatro nocautes e sete finalizações; e quatro por decisão dos jurados. Das três derrotas, duas foram por pontos e uma por nocaute.

Sua primeira chance de alcançar um título mundial aconteceu no UFC 125, que também teve o Canadá como sede. Aconteceu em Edmonton em 9 de setembro de 2017. Tendo a brasileira Amanda Nunes, a Leoa, pelo caminho, Schevchenko não fez feio. Levou o combate até o final do quinto assalto e foi declarada derrotada por decisão dividida dos jurados. O duelo valeu pela categoria peso galo.

Para evitar um novo confronto com a brasileira, que é considerada uma das maiores lutadores da categoria, e aumentar, dessa maneira, suas chances de faturar o cinturão, a Bala resolveu desviar de novo e retornar para a categoria mosca. No UFC Fight Night de Belém, Pará, de 3 de fevereiro de 2018, precisou de dois assaltos para derrotar a brasileira Priscila Cachoeira e abrir seu caminho para disputar o título.

O desempenho recente de Joanna Jedrzejczyk

Com 31 anos, a polonesa nascida em Olsztyn tem 1,66 e, naturalmente, recebeu apelidos que não envolvem seu sobrenome. É chamada por JJ, Joana Champion ou Joanna Violence nos materiais promocionais do UFC.

Com formação em muay thay e kickboxe,apresenta cartel com 17 lutas nas artes marciais mistas e 15 vitórias. Mostra bem mais paciência que a rival. Dez dos sucessos foram obtidos através de decisão dos jurados. Dos cinco por decisão rápida, quatro foram por nocaute e um por finalização. Das duas derrotas, uma foi por ponto e outra por nocaute.

A carreira de Joanna Jedrzejczyk apresenta, no entanto, picos de desempenho mais impressionantes que Schevchenko. Ela enfileirou uma série de 14 vitórias em seus primeiros combates tendo chegado ao título mundial na categoria palha no nono deles. Foi contra Carla Esparza, por nocaute, no UFC 185, em março de 2015, em Dallas (Texas, Estados Unidos).

Defendeu o cinturão com sucesso em cinco ocasiões. Só viu seu reinado ser interrompido no UFC 217, em 4 de novembro de 2017, em Nova York, quando sofreu a primeira derrota da carreira para Rose Namajumas. Foi nocauteada no primeiro assalto.

Pediu revanche, que lhe foi concedida. No UFC 223, novamente em Nova York, em abril deste ano, foi derrotada por decisão dos jurados. Decidiu, então, mudar de categoria, aproveitando a abertura da oportunidade de chegar ao título entre as lutadoras no peso mosca. Seu combate mais recente foi diante de Tecia Torres no UFC on Fox realizado em Calgary, no Canadá, em julho de 2018. Venceu por decisão dos jurados.

Prognóstico final para Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk

A categoria moscas é novidade para as duas lutadores. Os combates mais recentes indicam Schevchenko em melhor fase e indicam sua vitória como melhor opção de palpite.

Prognóstico para Valentina Shevchenko x Joanna Jedrzejczyk – Vitória de Schevchenko – cotação de 1,28 na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

football line
Em dia de UFC, Betmotion abre chance dupla de faturar com disputa de título mundial
Betmotion

O sábado, 6 de outubro, apresenta um duelo de gigantes no Ultimate Fighting Championship. Na edição de número 229 do UFC, o cinturão dos leves estará em disputa entre Khabib Nurmangomedov e Conor McGregor. Até o início do confronto, que será realizado em Paradise (Nevada, Estados Unidos), os usuários da plataforma de apostas esportivas de Betmotion, poderão aproveitar uma promoção especial da casa, que aparece dupla chance de ganhar e vai prosseguir até mesmo depois do combate.

Aposte agora com Betmotion!

Como funciona a promoção

A primeira parte da oferta teve sua largada na segunda-feira, 1º de outubro, e vai prosseguir até o dia do evento. Nela, o usuário da plataforma de apostas esportivas precisa realizar um depósito usando o código promocional “ufc229” para aproveitar o benefício, que é um bônus de 50% oferecido pela casa.

De acordo com os termos e condições da promoção, que estão disponíveis no site de jogos online, o crédito do valor extra será feito de forma automática na primeira transferência com valor mínimo realizada no período com valor mínimo de R$ 20. O limite para compensação será de R$ 500.

A etapa número dois da oferta requer que seja realizada uma aposta no combate Nurmangomedov e McGregor. Nesse caso, a casa vai considerar, de acordo com as regras da oferta, apostas simples realizadas antes do início do confronto apenas no mercado vencedor 1 / 2 ou então no método de vitória com valor igual ou superior a R$ 20.

Nesse caso, Betmotion promete aumentar o prêmio em 50% se o prognóstico for vencedor ou reembolsar 50% do investimento se a previsão não for acertada. Em ambos os casos, foi estabelecido o limite de R$ 300 para o beneficio, que será concedido em forma de bônus.

Para receber o benefício é preciso entrar em contato com o serviço de atendimento ao cliente de Betmotion até 72 horas após o encerramento do combate. Assim que o valor for creditado na conta, ele não poderá ser movimentado livremente. Antes da liberação para saque, precisará ser apostado em bilhetes esportivos com cotação igual ou superior a 1,8 pelo menos cinco vezes.

football line
Ainda dá tempo de palpitar em concurso grátis de Rivalo e faturar bônus de R$ 229
Rivalo

O início do combate entre o russo Khabib Nurmagomedov e o irlandês Conor McGregor, que vale o cinturão dos leves na versão do Ultimate Fighting Championship, é o prazo limite para a participação do concurso grátis que a plataforma de apostas esportivas de Rivalo lançou para o UFC 229 e tem como prêmio o bônus de R$ 229 para realização de apostas.

Aposte agora com Rivalo!
Não há horário determinado para a realização do combate, que é o último do card principal do evento. A programação de cinco lutas consideradas mais importantes não será iniciada antes de 23h (horário de Brasília). Assim, a disputa do título deverá realizada já na madrugada de domingo, 7 de outubro.

Como funciona a promoção

A promoção é feita através da página do site de jogos online na rede social Facebook . Para participar e concorrer ao bônus de R$ 229 para realização de apostas é preciso localizar o post sobre a oferta, pressionar o botão curtir e compartilhar a publicação no modo público.

Cumpridas essas exigências determinadas pelos termos e condições da oferta, que foram disponibilizados por Rivalo através de link no post publicado na rede social, o próximo passo é indicar o prognóstico sobre quem será o ganhador do combate e em qual momento a luta será definido.


Rivalo promete conceder o bônus de R$ 229 para os cinco primeiros que acertarem o palpite. Outra condição estabelecida para a concessão da bonificação é de que o participante tenha realizado ao menos um depósito em sua conta com o site de jogos online nos seis meses anteriores a realização da promoção.

Inicialmente Rivalo havia divulgado a promoção como UFC 299 e prometido bônus de R$ 299, mas anunciou ao longo do período da oferta correções em relação ao nome e ao valor oferecidos. No entanto, os palpites que haviam sido registrados foram mantidos.

Assim que Rivalo depositar o bônus de R$ 229 na conta dos vencedores, o valor não poderá ser sacado imediatamente. Antes de ser liberado para retirada terá que ser investido ao menos cinco vezes em apostas esportivas com cotação igual ou superior a 1,50.

football line
Palpite: Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor – Prognóstico 6/10/2018 – UFC 229
Prognósticos de apostas

Combate: Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor

Data: 6/10/2018 – 19h15 (horário de Brasília)

Prognóstico: McGregor

Cotação*: 2,30 (em 4/10/2018 às 10h11)

Casa de apostas: Bet365


Aposte agora com Bet365!

As cotações* e o palpite para Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor

Vitória de Khabib Nurmagomedov – 1,62

Vitória de Conor McGregor – 2,30

As cotações estavam disponíveis às 10h11 de 4/10/2018 na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

O combate valendo o título mundial dos leves é a grande atração da programação da edição 229 do UFC. O evento será realizado neste sábado, 6 de outubro, na T-Mobile Arena, em Paradise, que fina região metropolitana de Las Vegas (Nevada, Estados Unidos). O russo Khabib Abdulmanapovich Nurmagomedov, detentor do cinturão, terá como desafiante o irlandês Conor Anthony McGregor.

Dos 13 combates inicialmente previstos, 12 foram confirmados. A previsão é de que os duelos comecem às 19h15 (horário de Brasília). As lutas principais não terão realizadas antes das 23h. A disputa do título provavelmente só vai acontecer na madrugada de domingo, 7 de outubro.

A programação completa do evento apresenta:

Card principal

Peso leve: Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor
Peso leve: Tony Ferguson x Anthony Pettis
Peso meio-pesado: Ovince St-Preux x Dominick Reyes
Peso pesado: Derrick Lewis x Alexander Volkov
Peso palha: Michelle Waterson x Felice Herrig

Card preliminar

Peso mosca: Sergio Pettis x Jussier Formiga
Peso meio-médio: Vicente Luque x Jalin Turner
Peso galo: Tonya Evinger x Aspen Ladd
Peso pena: Lina Lansberg x Yana Kunitskaya
Peso leve: Scott Holtzman x Alan Nuguette
Peso leve: Gray Maynard x Nik Lentz
Peso meio-médio: Ryan LaFlare x Tony Martin

Desempenho recente de Khabib Nurmagomedov

Aos 30 anos e com 1,78, Nurmagomedov teve formação em sambo, judô e luta livre. Começou nas artes marciais mistas em 2008 tendo realizado combates tanto na categoria de médios como entre os leves.

Ao longo desses dez anos de carreira realizou 26 combates e segue invicto. Dez de suas vitórias foram por decisão dos juízes. As 16 por definição rápida se dividiram entre submissões e nocautes.

Seu primeiro combate no Ultimate Fighting Championship foi em 2012, quando já acumulava 17 sucessos no cartel. Superou Kamal Shalorus no UFC on Fox disputado em Nashville (Tenesse, Estados Unidos), em 20 de janeiro, pela categoria leves.

Apesar do cartel impecável, demorou para ter a oportunidade de lutar pelo cinturão. Isso só aconteceu no UFC 223 quando o título dos leves não tinha dono. Seu rival no combate realizado em 7 de abril deste ano no Brooklyn (Nova York) foi Al Iaquinta que acabou derrotado por decisão unânime dos jurados.

A forma atual de Conor McGregor

A fama de Conor McGregor superou os octógonos. Ele chegou a desafiar Floyd Mayweather, considerado por muitos o maior de todos os tempos na modalidade, para uma luta de boxe. Naturalmente, foi derrotado. Porém, encheu os bolsos, o que parece ter sido seu grande objetivo.

Aparecer na mídia é parte do dia a dia do lutador que, por isso, recebeu o apelido de “Notório”.  Nas horas vagas, até treina para manter o status de maior lutador de artes marciais de todos os tempos.

Construiu essa reputação combatendo em três categorias diferentes. Lutou 24 vezes e saiu vencedor em 21 delas. Dos sucessos, 18 foram por nocaute, um por submissão e dois por pontos. As três derrotas foram por submissão.

McGregor colecionou títulos e prêmios de melhor luta da noite ao longo da carreira. O sucesso fez com que perdesse o interesse em seguir no UFC. Sua última luta foi em 12 de novembro de 2016. Precisou de apenas dois assaltos para superar, com socos, a Edie Alvarez, no UFC 205, que foi realizado em Nova York. Desde então, dedicou-se quase que única e exclusivamente às suas atividades no ‘cargo’ de celebridade. Agora, parece querer retornar à função de lutador de MMA.

Prognóstico final para Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor

Embora tenha um cartel impecável, o fato é que Nurmagomedov engordou seu número de vitórias com adversários de qualidade técnica questionável e jamais apresentou o mesmo nível técnico que McGregor. No entanto, certamente é bem mais profissional e dedicado à sua carreira que o irlandês. Também apresenta mais foco e capacidade de desenvolver um combate tático tentando conduzir a decisão para os pontos.

McGregor, ao contrário, tem a impaciência como característica e certamente buscará uma definição rápida. Mostrou ao longo da carreira que possui capacidade para tal. Resta saber se o afastamento de quase dois anos dos octógonos não fez com que perdesse essa vantagem. O talento natural faz com que o prognóstico na vitória do irlandês seja a opção para o combate.

Vitória de Conor McGregor – 2,30 na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

football line

SITES DE APOSTAS
Site de apostas Bet365 Bet365
Site de apostas Betfair Betfair
Site de apostas Rivalo Rivalo
Site de apostas 22Bet 22Bet
Site de apostas Betway Betway
Site de apostas Sportingbet Sportingbet
Site de apostas Betboo Betboo
Site de apostas Betmotion Betmotion
Busca de Notícias
Aviso legal
O direito de acessar e / ou usar sites-de-apostas.net (incluindo qualquer ou todos os produtos anunciados) pode ser restritos em determinados países.
Você é o responsável por determinar que o acesso ou uso do website está de acordo com as leis em seu local de residência e que o jogo não é ilegal onde você mora.
sites-de-apostas.net valoriza e compara continuamente todos os sites de apostas no Brasil.
Site de apostas | Casas de apostas online | Apostas esportivas | Apostas de futebol | Apostas ao vivo | Apostas online | Sites de apostas
18+, Jogue com responsabilidade! | Jogo responsável | Aviso legal