Arena Pantanal

Copa America Zone South

21/06/2021

18:00

Uruguay
Chile
Odds are subject to change. Last updated 21/06/2021 17:58.
Odds are subject to change. Last updated 21/06/2021 17:58.

As informações e o palpite para Uruguai x Chile

Sem fazer gol há quatro jogos, o Uruguai tem o Chile em seu caminho nesta segunda-feira, 21 de junho. O encontro é parte da terceira rodada da fase de grupos da Copa América 2021. Terá como sede a Arena Pantanal, em Cuiabá. O início está marcado para 18h (horário de Brasília). As seleções estão na chave A, que conta também com as equipes de Argentina, Paraguai e Bolívia.

Como funciona a Copa América 2021

A edição 2021 da Copa América é a versão 2020 com um ano de atraso. Ela foi adiada devido à pandemia de Covid-19. Na verdade, nem precisaria ter sido realizada. Afinal, o torneio teve uma edição em 2019. Uma nova versão foi inserida na agenda para que a Confederação Sul-Americana de Futebol passasse a ter seu torneio continental no mesmo ano da Eurocopa. Bastaria cancelar e disputar a Copa América 2024. Porém, com dinheiro recebido pelos direitos de transmissão para TV e patrocínios negociados, a competição foi mantida em um calendário ainda mais apertado.

Em princípio, seria realizada na Argentina e na Colômbia. Os argentinos desistiram devido à crise sanitária no país, que enfrenta o aumento do número de casos de Covid-19. Os colombianos, mergulhados em uma grave crise política, também não tiveram condições de receber o torneio. O Brasil, embora com números de contaminação ainda maiores do que os da Argentina, decidiu sediar a competição, assim como fez em 2019.

A fórmula de disputa, dessa vez, é diferente. Os dez participantes, em vez dos 12 inicialmente previstos (Austrália e Qatar desistiram de participar), foram divididos em dois grupos. Na primeira fase, vão jogar em turno único. Ao final de cinco rodadas, os quatro primeiros de cada chave avançam para a segunda fase. A partir das quartas de final, serão realizadas disputas em jogo único até que seja conhecido o campeão.

O desempenho recente do Uruguai

Para os uruguaios, que folgaram na jornada de abertura do torneio, será o segundo jogo na Copa América 2021. Sua estreia na competição aconteceu na sexta-feira, 18 de junho, diante da Argentina, em Brasília. Foram batidos por 1 a 0. Tento assinalado por Rodriguez, após assistência de Messi, aos 13 minutos do primeiro tempo. Não foram capazes de alcançar a reação. Criaram somente quatro oportunidades de finalização ao longo do encontro. Nenhuma delas teve a direção do gol.

O jejum de tentos da seleção do Uruguai atingiu quatro confrontos. Ele foi iniciado na disputa das Eliminatórias Sul-Americanas para Copa do Mundo do Qatar de 2022. No encontro com a seleção brasileira, ainda antes da paralisação do torneio, em novembro de 2020, a Celeste levou 2 a 0. Na retomada da disputa, no começou de junho, foram duas igualdades sem bola na rede ante a Paraguai (casa) e Venezuela (fora).

Nesses dois últimos jogos, o técnico Oscar Tabárez não pode contar com o atacante Edinson Cavani, suspenso, nem com o meia De Arrascareta, em isolamento social após ter exame positivo para Covid-19. Eles foram incorporados ao grupo para a disputa da Copa América 2021. O primeiro foi escalado como titular no jogo contra os argentinos. O segundo ficou no banco de reservas e não foi acionado. Nem assim a produção ofensiva melhorou.

Os atletas convocados para o torneio foram:

Goleiros: Fernando Muslera (Fenerbahçe), Martin Campaña (Al-Batin-KSA) e Sergio Rochet (Nacional); 

Defensores: Diego Godín (Cagliari), Martín Cáceres (Fiorentina), José Giménez (Atlético de Madrid), Sebastián Coates (Sporting), Matias Viña (Palmeiras), Giovanni González (Peñarol), Ronald Araújo (Barcelona) e Camilo Cándido (Nacional); 

Meio-campistas: Matías Vecino (Inter de Milão), Nahitan Nández (Cagliari), Rodrigo Bentancur (Juventus), Lucas Torreira (Atlético de Madrid), Giorgian De Arrascaeta (Flamengo), Federico Valverde (Real Madrid), Nicolás De La Cruz (Rirver Plate) e Fernando Gorriarán (Santos Laguna); 

Atacantes: Luis Suárez (Atlético de Madrid), Edinson Cavani (Manchester United), Jonathan Rodríguez (Cruz Azul), Maxi Gómez (Valencia), Brian Rodríguez (Almería), Facundo Torres (Peñarol) e Brian Ocampo (Nacional).

Provável escalação do Uruguai

 

Uruguai na temporada atual

últimos jogos
07/04 202104/0700:00
07/04 202104/07
(2)0-0(4)
-
06/29 202129/0602:00
06/29 202129/06
1-0
-
06/24 202124/0623:00
06/24 202124/06
0-2
-
06/21 202121/0623:00
06/21 202121/06
1-1
-
06/19 202119/0602:00
06/19 202119/06
1-0
-

A forma atual do Chile

Camisa Schalke 04 Bundesliga

O chilenos também entraram em campo na sexta-feira, 18 de junho, e confirmaram o favoritismo diante da seleção considerada mais fraca do grupo A. Bateram a Bolívia por 1 a 0. Alcançaram seu gol logo aos dez minutos do primeiro tempo. Brereton colocou na rede após receber assistência de Vargas. Porém, não passaram disso apesar de ter domínio do confronto. Com a posse de bola por 61% do tempo, criaram quase o dobro de chances para arremate (18 a 10). Superioridade que foi ainda maior nos tiros certos (11 a 3).

Como na estreia da competição a equipe do Chile havia ficado no empate com a Argentina, os quatro pontos acumulados deixaram o time na liderança da chave ao lado da Argentina. São quatro pontos de frente na comparação com a Bolívia, que realizou dois jogos e ainda não conseguiu pontuar. Ainda que não esteja definida matematicamente, a classificação para as quartas de final está praticamente garantida.

O atacante Aléxis Sanchez, com lesão muscular, segue aos cuidados do departamento médico e provavelmente não será acionado na partida desta segunda-feira. Os atletas convocados para a disputa da Copa América 2021 foram:

Goleiros: Claudio Bravo (Real Bétis), Gabriel Arias (Racing) e Gabriel Castellón (Huachipato);

Defensores: Gary Medel (Bologna), Mauricio Isla (Flamengo), Eugenio Mena (Racing), Guillermo Maripán (Monaco), Enzo Roco (Fatih Karagumruk-TUR), Sebastián Vegas (Monterrey), Francisco Sierralta (Watford) e Daniel González (Santiago Wanderers);

Meio-campistas: Arturo Vidal (Inter de Milão), Charles Aránguiz (Bayer Leverkusen), Erick Pulgar (Fiorentina), César Pinares (Grêmio), Claudio Baeza (Toluca), Pablo Galdames (Vélez Sarsfield), Tomás Alarcon (O’Higgins), Pablo Aránguiz (Universidad de Chile) e Marcelino Núñez (Universidad de Chile);

Atacantes: Alexis Sánchez (Inter de Milão), Eduardo Vargas (Atlético-MG), Felipe Mora (Portland Timbers), Jean Meneses (León), Carlos Palacios (Internacional), Clemente Montes (Universidad Católica), Luciano Arriagada (Colo-Colo) e Ben Brereton (Blackburn Rovers-ING).

Provável escalação do Chile

 

Chile na temporada atual

últimos jogos
06/25 202125/0602:00
06/25 202125/06
0-2
-
06/21 202121/0623:00
06/21 202121/06
1-1
-
06/18 202118/0623:00
06/18 202118/06
1-0
-
06/14 202114/0623:00
06/14 202114/06
1-1
-
06/09 202109/0603:30
06/09 202109/06
1-1
-

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Uruguai x Chile:

Com o Chile sem motivos para correr riscos e o Uruguai com grandes dificuldades no setor de criação, o prognóstico na igualdade acaba sendo a melhor opção de palpite para o confronto desta segunda-feira pela terceira rodada da fase de grupos da Copa América 2021.

Prognóstico e palpite final para Uruguai x Chile:

Livescores 4U aoo

Promoções para Copa América 2021

Promoções Copa América

Acompanhe tudo sobre a Copa América 2021