Odds are subject to change. Last updated 29/06/2021 15:56.

As informações e o palpite para Suécia x Ucrânia

Será conhecido nesta terça-feira, 29 de junho, no confronto entre Suécia e Ucrânia, o último classificado para as quartas de final da Euro 2020. O encontro, que terá como sede o estádio Hampden Park, em Glasgow, na Escócia, fecha a programação das oitavas de final do torneio continental. Tem pontapé inicial agendado para 16h (horário de Brasília). Quem sobreviver vai lutar por um lugar na semifinal com o vencedor do confronto envolvendo Inglaterra e Alemanha, que tem início agendado para um pouco mais cedo. Em caso de empate, o regulamento estabelece a realização de prorrogação de 30 minutos. Caso a igualdade prevaleça, a definição será feita através de cobranças de pênalti.

Como funciona a Euro 2020

A edição 2020 da Eurocopa é comemorativa. Celebra os 60 anos de torneio. Seria realizada no ano passado, mas acabou sendo adiada devido à pandemia de Covid-19. A grande novidade é a ausência de uma sede fixa. Os jogos foram compartilhados por vários países com os encontros decisivos sendo reservados para Londres. 

O formato é o mesmo da Euro 2016, que recebeu o acréscimo do número de participantes. São 24 seleções. Elas foram divididas em seis grupos. Jogam, na primeira fase, em turno único. Ao final das três rodadas, as duas primeiras de cada chave avançam para as oitavas de final. Além das 12 classificadas diretamente, entre as terceiras colocadas, as quatro melhores conseguem um lugar na repescagem completando a chave.

A partir de então, em jogos eliminatórios, que podem recorrer à prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis como critérios de desempates, as equipes vão passando pelo funil até que se defina os dois finalistas. A decisão está marcada para 11 de julho.

O desempenho recente da Suécia

A Suécia entrará em campo defendendo uma sequência invicta de oito jogos (sete vitórias e um empate). Ela foi iniciada em março com duelos das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022 e conta com encontros oficiais e amistosos. Na primeira fase da Euro 2020, o time surpreendeu ao ficar na primeira posição do grupo E. Acumulou sete pontos (duas vitórias e um empate), deixando para trás a favorita Espanha, que ficou no segundo posto com cinco pontos.

O jogo chave dessa trajetória foi justamente a estreia diante dos espanhóis. Os suecos arrancaram o empate sem gols. Entraram em campo claramente buscando esse resultado. Passaram o confronto inteiro sem acertar um chute sequer na direção da meta da Fúria. Pouco tentaram. Criaram somente quatro oportunidades para arremate. A Espanha, atuando em Sevilha, teve a posse da bola por 75% do tempo, disparou 17 finalizações, mandou cinco no alvo, mas o goleiro Olsen garantiu o primeiro ponto na conta.

Depois, os suecos superaram a Eslováquia por 1 a 0. Dessa vez assumiram uma postura mais agressiva. Ainda que com menor tempo de posse de bola (43%), criaram mais chances de arremate (13 a 10) e foram melhores na qualidade das finalizações. Enquanto os eslovacos não acertaram um tiro sequer, mandaram quatro disparos no alvo. Colocaram a pelota na rede aos 32 minutos da fase final em cobrança de pênalti convertida por Forsberg. Na partida final da primeira fase, marcaram 3 a 2 na Polônia. Dessa vez, os rivais foram mais agressivos, mas novamente prevaleceu a boa capacidade de finalização. Dos quatro tiros que a Suécia mandou na direção certa, três terminaram no fundo da rede. Dois gols marcados por Forsberg e outro por Claesson, aos 49 minutos do segundo tempo.

Os atletas convocados para a disputa da Euro 2020 foram:

  • Goleiros: Karl-Johan Johnsson (Copenhague), Kristoffer Nordfeldt (Gençlerbirligi) e Robin Olsen (Everton);
  • Defensores: Emil Krafth (Newcastle), Victor Lindelöf (Manchester United), Marcus Danielson (Dalian Yifang-CHI), Martin Olsson (Häcken-SUE), Ludwig Augustinsson (Werder Bremen), Pontus Jansson (Brentford), Filip Helander (Rangers), Mikael Lustig (AIK), Andreas Granqvist (Helsingborg);
  • Meio-campistas: Emil Forsberg (RB Leipzig), Ken Sema (Watford), Viktor Claesson (Krasnodar), Dejan Kulusevski (Juventus), Sebastian Larsson (AIK), Albin Ekdal (Sampdoria), Kristoffer Olsson (Krasnodar), Jens-Lys Cajuste (Midtjylland), Mattias Svanberg (Bologna) e Gustav Svensson (Guangzhou R&F);
  • Atacantes: Marcus Berg (Krasnodar), Alexander Isak (Real Sociedad), Robin Quaison (Mainz) e Jordan Larsson (Spartak Moscou).

Provável escalação da Suécia

 

Suécia na temporada atual

últimos jogos
06/29 202129/0621:00
06/29 202129/06
1-2
-
06/23 202123/0618:00
06/23 202123/06
3-2
-
06/18 202118/0615:00
06/18 202118/06
1-0
-
06/14 202114/0621:00
06/14 202114/06
0-0
-
06/05 202105/0620:45
06/05 202105/06
3-1
-

A forma atual da Ucrânia

Camisa Schalke 04 Bundesliga

A Ucrânia ficou com a última das 16 vagas das oitavas de final da Euro 2020. Não conseguiu a classificação direta no grupo C. Com três pontos (uma vitória e duas derrotas), ficou na terceira posição da chave, que teve Holanda e Áustria, que já foram eliminadas do torneio, nas duas primeiras colocações. Avançou na repescagem, como a quarta melhor entre as seis terceiras colocadas.

O time fez sua estreia no torneio sendo batido pela Holanda por 3 a 2. O jogo teve um segundo tempo eletrizante. Os holandeses abriram frente de dois tentos, os ucranianos igualaram, mas acabaram sofrendo o terceiro tento nos instantes finais. Na segunda partida, a Ucrânia conseguiu se impor ao estreante time da Macedônia do Norte, que pela primeira vez na história conseguiu a classificação para uma fase final da Euro 2020. Marcou 2 a 1.

Na última rodada, no entanto, caiu diante da Áustria. Levou 1 a 0 fazendo uma atuação muito fraca. Sofreu o gol de Baumgartner aos 21 minutos e praticamente abriu mão de reagir. Criou somente cinco oportunidades para finalização, sendo que uma delas foi na direção certa. Administrou a possibilidade de avançar como uma das melhores equipes na terceira colocação evitando correr maiores riscos. Para o duelo desta terça-feira, Zubkov, lesionado, é dúvida. Os atletas convocados para o torneio foram:

  • Goleiros: Georgiy Bushchan (Dínamo de Kiev), Andriy Pyatov (Shakhtar Donetsk) e Anatolii Trubin (Shakhtar Donetsk);
  • Defensores: Eduard Sobol (Brugge), Illia Zabarnyi (Dínamo de Kiev), Serhiy Kryvtsov (Shakhtar Donetsk), Denys Popov (Dínamo de Kiev), Oleksandr Tymchyk (Dínamo de Kiev), Vitaliy Mykolenko (Dínamo de Kiev), Oleksandr Karavaev (Dínamo de Kiev) e Mykola Matviyenko (Shakhtar Donetsk);
  • Meio-campistas: Serhiy Sydorchuk (Dínamo de Kiev), Ruslan Malinovskyi (Atalanta), Mykola Shaparenko (Dínamo de Kiev), Marlos (Shakhtar Donetsk), Yevhen Makarenko (Kortrijk), Oleksandr Zinchenko (Manchester City), Viktor Tsygankov (Dínamo de Kiev), Taras Stepanenko (Shakhtar Donetsk), Andriy Yarmolenko (West Ham), Oleksandr Zubkov (Ferencváros), Heorhii Sudakov (Shakhtar Donetsk), Roman Bezus (Gent);
  • Atacantes: Roman Yaremchuk (Gent), Artem Besedin (Dínamo de Kiev) e Artem Dovbyk (Dnipro).

Provável escalação da Ucrânia

 

Ucrânia na temporada atual

últimos jogos
07/03 202103/0721:00
07/03 202103/07
0-4
-
06/29 202129/0621:00
06/29 202129/06
1-2
-
06/21 202121/0618:00
06/21 202121/06
0-1
-
06/17 202117/0615:00
06/17 202117/06
2-1
-
06/13 202113/0621:00
06/13 202113/06
3-2
-

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Suécia x Ucrânia:

A Suécia, ainda que não tenha grandes jogadores, tem se mostrado uma equipe bastante equilibrada. Por isso, o prognóstico em seu sucesso diante da Ucrânia é o palpite indicado para o confronto desta terça-feira pelas oitavas de final da Euro 2020.

Prognóstico e palpite final para Suécia x Ucrânia:


Promoções para Eurocopa 2021

Promoções Eurocopa

Acompanhe tudo sobre a Eurocopa 2021