Saint Petersburg Stadium

EURO Grp. E

14/06/2021

13:00

Poland
Slovakia
Odds are subject to change. Last updated 14/06/2021 12:16.
Poland vence
Casa de aposta 1 X 2
Betway
1.72 3.60 5.75
Sportingbet
1.72 3.40 5.75
Odds are subject to change. Last updated 14/06/2021 12:16.
bet365

As informações e o palpite para Polônia x Eslováquia

Contando em seu elenco com o atacante Robert Lewandowski, eleito no ano passado o melhor jogador do mundo, a Polônia estreia diante da Eslováquia na Euro 2020. O encontro terá como sede a Gazprom Arena, em São Petersburgo, na Rússia, que poderá receber até 33.900 espectadores nesta segunda-feira, 14 de junho, quarto dia de competições. O início está marcado para 13h (horário de Brasília). As seleções fazem parte do grupo E, que tem também Suécia e Espanha.

Como funciona a Euro 2020

A edição 2020 da Eurocopa é comemorativa. Celebra os 60 anos de torneio. Seria realizada no ano passado, mas acabou sendo adiada devido à pandemia de Covid-19. A grande novidade é a ausência de uma sede fixa. Os jogos foram compartilhados por vários países com os encontros decisivos sendo reservados para Londres. 

O formato é o mesmo da Euro 2016, que recebeu o acréscimo do número de participantes. São 24 seleções. Elas foram divididas em seis grupos. Jogam, na primeira fase, em turno único. Ao final das três rodadas, as duas primeiras de cada chave avançam para as oitavas de final. Além das 12 classificadas diretamente, entre as terceiras colocadas, as quatro melhores conseguem um lugar na repescagem completando a chave.

A partir de então, em jogos eliminatórios, que podem recorrer à prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis como critérios de desempates, as equipes vão passando pelo funil até que se defina os dois finalistas. A decisão está marcada para 11 de julho.

O desempenho recente da Polônia

As eliminatórias para Euro 2020 não ofereceram qualquer risco aos poloneses. A seleção garantiu sua classificação para fase final do torneio sem qualquer problema. Acumulou 25 pontos (oito vitórias, um empate e uma derrota). Ficou na primeira posição do grupo G com confortável frente de seis pontos na comparação com a Áustria, segunda colocada, que também teve sua vaga assegurada na fase final do torneio continental.

Os poloneses não conseguiram, entretanto, desempenho similar na disputa da segunda edição da Liga das Nações da Europa. Logo depois das eliminatórias para Euro 2020, trataram apenas de evitar a queda para Segunda Divisão do torneio ao ficarem na terceira colocação do grupo 1 da Liga A, a divisão de elite da competição. Conquistaram sete pontos (duas vitórias, um empate e três derrotas). Ficaram abaixo de Itália (12 pontos) e Holanda (11). Superaram somente a Bósnia e Hezergovina, que com dois pontos, acabou sendo mandada para Liga B. A disputa pela classificação para Copa do Mundo do Qatar de 2022 também começou com turbulência. Depois de empate com a Hungria, por 3 a 3, fora de casa, e vitória por 3 a 0, dessa vez como mandante, contra a frágil Andorra, a Polônia levou 2 a 1 da Inglaterra, em Wembley. Os quatro pontos acumulados a colocam na quarta posição do grupo I, que tem os ingleses na liderança com cinco pontos a mais.

Melhor jogador do mundo é esperança polonesa

Os poloneses tentaram ao máximo preservar para a fase final da Euro 2020 o atacante Robert Lewandowski. Eleito o melhor jogador do mundo na temporada passada, o centroavante do Bayern de Munique é a principal peça da equipe. Ele sequer foi acionado no amistoso contra a Rússia. O duelo ficou no empate por 1 a 1. A Polônia marcou aos quatro minutos da etapa inicial com Swierczok. Os russos igualaram com Karavaev aos 21 minutos. O encontro teve somente 12 finalizações. Sete dos poloneses, cinco da Rússia. No quesito arremate certo, a vantagem foi de 2 a 1.

Lewandowski só foi acionado no teste final, diante da Islândia. O jogo também terminou no empate, dessa vez por 2 a 2. Mas a diferença de postura e desempenho dos poloneses foi grande. Embora tenham ficado duas vezes em desvantagem no marcador, produziram muito mais chances de finalização (15 a 4). Não conseguiram manter a mesma proporção nos tiros certos, mas também foram superiores nesse quesito (6 a 3). O artilheiro do Bayern de Munique não chegou a colocar a bola na rede. Foi sacado aos 36 minutos da fase final, pouco antes de Swiderski fazer o segundo gol polonês, aos 43 minutos.

O técnico português Paulo Sousa tem montando a Polônia com duas linhas de quatro (defesa e meio-campo) e com dois atacantes. Os jogadores convocados para a disputa da Euro 2020 são:

  • Goleiros: Lukasz Fabianski (West Ham), Wojciech Szczesny (Juventus) e Lukasz Skorupski (Bologna);
  • Defensores: Jan Bednarek (Southampton), Bartosz Bereszynski (Sampdoria), Pawel Dawidowicz (Verona), Kamil Glik (Benevento), Michal Helik (Barnsley), Tomasz Kedziora (Dínamo de Kiev), Kamil Piatkowski (Raków Czestochowa-POL), Tymoteusz Puchacz (Lech Poznan) e Maciej Rybus (Lokomotiv Moscou);
  • Meias: Przemyslaw Frankowski (Chicago Fire), Kamil Józwiak (Derby Count), Mateusz Klich (Leeds), Kacper Kozlowski (Pogon Szczecin-POL), Grzegorz Krychowiak (Lokomotiv Moscou), Karol Linetty (Torino), Jakub Moder (Brighton), Przemyslaw Placheta (Norwich) e Piotr Zielinski (Napoli);
  • Atacantes: Dawid Kownacki (Fortuna Düsseldorf), Robert Lewandowski (Bayern de Munique), Arkadiusz Milik (Olympique de Marselha), Karol Swiderski (PAOK) e Jakub Swierczok (Piast Gliwice-POL).

Provável escalação da Polônia

 

Polônia na temporada atual


A forma atual da Eslováquia

Camisa Schalke 04 Bundesliga

O caminho entre a Eslováquia e a fase final da Euro 2020 foi mais longo. Os eslovacos não conseguiram a vaga através das eliminatórias. Acumularam apenas 13 pontos (quatro vitórias, um empate e três derrotas), o que foi suficiente para que terminassem na terceira colocação do grupo E, que teve como classificados a Croácia, que somou 17 pontos, e País de Gales, que ganhou um ponto a mais.

Os eslovacos acabaram sendo beneficiados com uma segunda chance. Ela foi oferecida pela primeira vez com a criação da repescagem que distribuía quatro vagas para serem disputadas por 16 equipes com melhor campanha na edição inaugural da Liga das Nações da Europa que não tivessem conquistado o lugar através das eliminatórias, uma forma de valorizar o torneio recém-criados. A seleção não deixou passar a oportunidade. Nas semifinais dos playoffs, superou a Irlanda na disputa de pênaltis após empate sem gols no tempo regulamentar e na prorrogação. Na decisão, após empate por 1 a 1 com a Irlanda do Norte no período regulamentar, marcou 1 a 0 na prorrogação.

Falhou, no entanto, na segunda edição da Liga das Nações. Com quatro pontos (uma vitória, um empate e quatro derrotas), terminou na quarta – última – posição do grupo 2 da Liga B, que teve a República Checa como campeã. Dessa maneira, acabou rebaixada para Liga C. O começo na disputa das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022 também não foi dos mais empolgantes. Depois de empates contra Chipre (0 a 0) e Malta (2 a 2), superou a Rússia por 2 a 1. Com cinco pontos, ocupa a terceira posição do grupo H, que tem croatas e russos compartilhando a liderança com um ponto a mais.

Meta principal da equipe é evitar a derrota

Primeiro não perder. Depois, se for possível, buscar a vitória. A Eslováquia mostrou até mesmo nos amistosos que essa será sua estratégia na fase final da Euro 2020. Fez isso até mesmo diante da Bulgária, equipe tecnicamente inferior. No encontro, saiu em desvantagem. Levou tento de Iliev aos nove minutos do primeiro tempo. Igualou aos 27 minutos com Benes. Mas não fez muita força para conseguir a virada. Mesmo contando com a posse de bola por 56% do tempo, foi apenas ligeiramente superior no número de finalizações criadas (10 a 9) e nos arremates certos (3 a 2).

Diante da Áustria, uma equipe mais qualificada tecnicamente, a cautela foi ainda maior. O encontro ficou no 0 a 0. Dessa vez, os austríacos tiveram amplo domínio do duelo. Com posse de bola por 57% do tempo, criaram mais que o dobro de chances de arremate (18 a 8). Porém, os eslovacos mostraram mais qualidade na hora do tiro. Igualaram-se aos rivais no quesito tiro certo. O técnico Stefan Tarkovic tem utilizado como estratégia uma formação com quatro defensores, dois meias de contenção, três mais de armação e um atacante. Os jogadores chamados para Euro 2020 foram:

  • Goleiros: Martin Dúbravka (Newcastle), Marek Rodák (Fulham) e Dušan Kuciak (Lechia Gdansk-POL);
  • Defensores: Peter Pekarík (Hertha Berlin), Lubomír Satka (Lech Poznan-POL), Denis Vavro (Huesca), Milan Skriniar (Inter de Milão), Tomás Hubocan (Omonoia-CHP) e Jakub Holúbek (Gliwice-POL);
  • Meias: Marek Hamsík (IFK Göteborg-SUE), Stanislav Lobotka (Napoli), Patrik Hrosovsky (Genk), Juraj Kucka (Parma), Ondrej Duda (Colônia), Róbert Mak (Ferencváros), Vladimír Weiss (Slovan Bratislava-EVQ), László Bénes (Augsburg), Lukás Haraslín (Sassuolo), Tomás Suslov (Groningen), Matús Bero (Arnhem-HOL) e Erik Jirka (Mirandés);
  • Atacantes: Michal Duris (Omonoia-CHP), Róbert Bozeník (Feyenoord) e Dávid Strelec (Slovan Bratislava-EVQ).

Provável escalação da Eslováquia

 

Eslováquia na temporada atual

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Polônia x Eslováquia:

Embora conte com alguns dos melhores atacantes da Europa, a Polônia não produz um futebol ofensivo. No entanto, é capaz de alcançar o gol mesmo criando poucas oportunidades. Por isso, o prognóstico em sua vitória diante da Eslováquia acaba sendo boa opção de palpite para o confronto pela primeira rodada do grupo E da Euro 2020.

Prognóstico e palpite final para Polônia x Eslováquia:


Promoções para Eurocopa 2021

Promoções Eurocopa

Acompanhe tudo sobre a Eurocopa 2021