Wembley

EURO Grp. D

13/06/2021

10:00

England
Croatia
Odds are subject to change. Last updated 13/06/2021 09:55.
England vence
Casa de aposta 1 X 2
Betway
1.57 4.20 6.50
Sportingbet
1.55 3.90 6.75
Odds are subject to change. Last updated 13/06/2021 09:55.
bet365

As informações e o palpite para Inglaterra x Croácia

A Inglaterra inicia contra a Croácia a perseguição de um inédito título da Eurocopa. Abrindo a programação do domingo, 13 de junho, terceiro dia da Euro 2020, o encontro tem como cenário o estádio de Wembley, em Londres, que recebeu autorização para receber até 22,5 mil espectadores. O encontro tem início previsto para 10h (horário de Brasília). Faz parte da primeira rodada do grupo D, que tem também as seleções de República Checa e Escócia.

Como funciona a Euro 2020

A edição 2020 da Eurocopa é comemorativa. Celebra os 60 anos de torneio. Seria realizada no ano passado, mas acabou sendo adiada devido à pandemia de Covid-19. A grande novidade é a ausência de uma sede fixa. Os jogos foram compartilhados por vários países com os encontros decisivos sendo reservados para Londres. 

O formato é o mesmo da Euro 2016, que recebeu o acréscimo do número de participantes. São 24 seleções. Elas foram divididas em seis grupos. Jogam, na primeira fase, em turno único. Ao final das três rodadas, as duas primeiras de cada chave avançam para as oitavas de final. Além das 12 classificadas diretamente, entre as terceiras colocadas, as quatro melhores conseguem um lugar na repescagem completando a chave.

A partir de então, em jogos eliminatórios, que podem recorrer à prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis como critérios de desempates, as equipes vão passando pelo funil até que se defina os dois finalistas. A decisão está marcada para 11 de julho.

O desempenho recente da Inglaterra

O fracasso diante da seleção da Islândia nas oitavas de final da Euro 2016 iniciou um profundo processo de renovação na seleção da Inglaterra. Ele teve resultados acima do esperado na Copa da Rússia de 2018, com a conquista do terceiro lugar. O amadurecimento do jovem grupo comandado por Gary Southgate faz com que o English Team seja considerado talvez o principal favorito para faturar a versão 2020 da Eurocopa, ainda mais contando com a chance de disputar a final em casa, caso, naturalmente, chegue até lá.

A campanha nas eliminatórias foi tranquila. A Inglaterra ficou no primeiro posto do grupo A. Acumulou 21 pontos (sete vitórias e uma derrota). Foram seis a mais do que a República Checa, segunda colocada e também classificada, e dez de frente em relação a Kosovo, terceira colocada, que acabou eliminada da briga. Logo na sequência, no entanto, os ingleses tropeçaram na Liga das Nações da Europa. Ficaram de fora da segunda edição do torneio ao serem superados pelos belgas na disputa pelo primeiro lugar do grupo 2.

Porém, o desempenho parece ter sido apenas uma oscilação, não uma indicação de queda de desempenho. No início da disputa das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022, os ingleses enfileiraram vitórias. Superaram San Marino (5 a 0), Albânia (2 a 0) e Polônia (2 a 1) assumindo a liderança isolada do grupo I. Têm dois pontos a mais do que a Hungria, segunda colocada.

Holofotes são voltados para Harry Kane, que procura por emprego após disputa

A busca pela segurança ofensiva e a confiança de que a habilidade de seus atacantes resolveria a indicação que a Inglaterra deu sobre o caminho que perseguirá na Euro 2020 através dos últimos amistosos preparatórios para o torneio. A esperança está, principalmente, na capacidade de finalização de Harry Kane, o atacante do Tottenham que já avisou que pretende deixar o clube e vem sendo cobiçado por uma série de outros times. A competição continental será uma grande vitrine para mostrar seus dotes.

Diante da Áustria, em 2 de junho, a Inglaterra exibiu essa filosofia do esforço mínimo. Venceu por 1 a 0. Criou menos chances de finalizar (9 a 13), mas acertou mais (4 tiros certos contra 2). Colocou a bola na rede aos 12 minutos da fase final através de Saka. Em 6 de junho, repetiu o marcador diante da Romênia. Dessa vez teve produção ofensiva maior. Foram 18 arremates contra 13. Também manteve a superioridade nos tiros certos (7 a 4). Marcou aos 23 minutos da fase final com Rashford em cobrança de pênalti. Teve outra penalidade máxima aos 33 minutos, mas Henderson desperdiçou.

Southgate tem usado uma formação com quatro defensores, três meias e três atacantes. Para Euro 2020, ele convocou:

  • Goleiros: Dean Henderson (Man Utd), Sam Johnstone (West Brom), Jordon Pickford (Everton)
  • Defensores: Trent Alexander-Arnold (Liverpool), Ben Chilwell (Chelsea), Conor Coady (Wolves), Reece James (Chelsea), Harry Maguire (Manchester United), Tyrone Mings (Aston Villa), Luke Shaw (Manchester United), John Stones (Manchester City), Kieran Trippier (Atlético Madrid), Kyle Walker (Manchester City)
  • Meias: Jude Bellingham (Borussia Dortmund), Jordan Henderson (Liverpool), Mason Mount (Chelsea), Kalvin Phillips (Leeds), Declan Rice (West Ham)
  • Atacantes: Dominic Calvert-Lewin (Everton), Phil Foden (Manchester City), Jack Grealish (Aston Villa), Harry Kane (Tottenham), Marcus Rashford (Manchester United), Bukayo Saka (Arsenal), Jadon Sancho (Borussia Dortmund), Raheem Sterling (Manchester City)

Provável escalação da Inglaterra

 

Inglaterra na temporada atual


A forma atual da Croácia

Camisa Schalke 04 Bundesliga

Vice-campeã mundial na Copa da Rússia de 2018, a Croácia começou a disputa das eliminatórias para Euro 2020 com alguma turbulência. Porém, embalou na reta final e garantiu o primeiro lugar do grupo E. Chegou aos 17 pontos (cinco vitórias, dois empates e uma derrota). Três pontos acima da seleção de País de Gales, segunda colocada e também classificada para fase final do torneio continental, e com quatro pontos de frente na comparação com a Eslováquia, que não conseguiu o lugar através do torneio. Precisou disputar a repescagem para conseguir seu lugar na disputa.

A história parece estar se repetindo na disputa das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022. Em março, na abertura da briga por vagas no Mundial, os croatas foram batidos pelos eslovenos por 1 a 0. Porém, mostraram poder de recuperação vencendo os jogos seguintes. Em casa, superaram Chipre, por 1 a 0, e marcaram 3 a 0 em Malta. Com seis pontos, divide com a Rússia a primeira colocação do grupo H, ainda que leve vantagem nessa disputa por ter melhor saldo de gols (3 a 2).

Nos amistosos, muita posse de bola e pouca objetividade

Os dois últimos jogos que a Croácia teve em sua preparação para Euro 2020 mostraram que o problema crônico da equipe não foi resolvido. O time segue com problemas na hora de transformar o domínio da posse de bola em chances reais de gol. Em 1 de junho, contra a Armênia, ficou no empate por 1 a 1. Com a pelota por 63% do tempo, até disparou 20 vezes contra a meta adversária. Porém, apenas 30% dos tiros tiveram a direção certa. Balançou a rede com Perisic aos 24 minutos da etapa inicial. Os armênios, que acertaram a meta croata somente duas vezes, igualaram aos 26 minutos da fase final com Angulo.

Diante da Bélgica, em 6 de junho, os croatas foram derrotados por 1 a 0. Tiveram novamente mais posse de bola (52%), porém, criaram muito menos chances de arremate (7 a 15) do que os belgas, que marcaram com Lukaku aos 38 minutos do primeiro tempo e mantiveram a frente até o final. O técnico Zlatko Dalic até tem tentado deixar o time mais agressivo. Vem utilizando uma formação com linha de quatro defensores protegida por um meia de contenção, dois meias de ligação e três atecantes. Para a disputa da Euro 2020, os croatas contam com os seguintes atletas:

  • Goleiros: Dominik Livakovic (Dinamo Zagreb), Lovre Kalinic (Hajduk Split-CRO) e Simon Sluga (Luton);
  • Defensores: Sime Vrsaljko (Atlético de Madrid), Borna Barisic (Rangers), Duje Caleta-Car (Olympique de Marselha), Dejan Lovren (Zenit), Josip Juranovic (Legia Varsóvia), Domagoj Vida (Besiktas), Josko Gvardiol (RB Leipzig), Domagoj Bradaric (Lille) e Mile Skoric (Osijek-CRO);
  • Meias: Mateo Kovacic (Chelsea), Luka Modric (Real Madrid), Marcelo Brozovic (Inter de Milão), Milan Badelj (Genoa), Nikola Vlasic (CSKA Moscou), Mario Pasalic (Atalanta), Ivan Perisic (Inter de Milão), Josip Brekalo (Wolfsburg), Mislav Orsic (Dínamo Zagreb) e Luka Ivanusec (DínamoZagreb);
  • Atacantes: Ante Rebic (Milan), Bruno Petkovic (Dínamo Zagreb), Ante Budimir (Osasuna) e Andrej Kramaric (Hoffenheim).

Provável escalação da Croácia

 

Croácia na temporada atual

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Inglaterra x Croácia:

A Inglaterra tem um elenco com grande potencial e vem retomando seu melhor nível nos últimos jogos. Assim, o prognóstico no sucesso diante da Croácia é o palpite indicado para o confronto pela primeira rodada do grupo D da Euro 2020.

Prognóstico e palpite final para Inglaterra x Croácia:


Promoções para Eurocopa 2021

Promoções Eurocopa

Acompanhe tudo sobre a Eurocopa 2021