Estadio Nacional de Brasilia

Copa America Zone South

24/06/2021

21:00

Chile
Paraguay
Odds are subject to change. Last updated 24/06/2021 21:02.
Odds are subject to change. Last updated 24/06/2021 20:57.

As informações e o palpite para Chile x Paraguai

Com sua vaga nas quartas de final já assegurada, o Chile entra em campo nesta quinta-feira, 24 de junho, apenas para cumprir tabela na Copa América 2021. Vai enfrentar o Paraguai. O encontro faz parte da programação da quarta – penúltima – rodada da fase de grupos do torneio que está sendo sediado no Brasil. Terá como cenário o estádio Mané Garrincha, em Brasília. O início está previsto para 21h (horário de Brasília). As equipes estão no grupo A, que tem também Argentina, Uruguai e Bolívia.

Como funciona a Copa América 2021

A edição 2021 da Copa América é a versão 2020 com um ano de atraso. Ela foi adiada devido à pandemia de Covid-19. Na verdade, nem precisaria ter sido realizada. Afinal, o torneio teve uma edição em 2019. Uma nova versão foi inserida na agenda para que a Confederação Sul-Americana de Futebol passasse a ter seu torneio continental no mesmo ano da Eurocopa. Bastaria cancelar e disputar a Copa América 2024. Porém, com dinheiro recebido pelos direitos de transmissão para TV e patrocínios negociados, a competição foi mantida em um calendário ainda mais apertado.

Em princípio, seria realizada na Argentina e na Colômbia. Os argentinos desistiram devido à crise sanitária no país, que enfrenta o aumento do número de casos de Covid-19. Os colombianos, mergulhados em uma grave crise política, também não tiveram condições de receber o torneio. O Brasil, embora com números de contaminação ainda maiores do que os da Argentina, decidiu sediar a competição, assim como fez em 2019.

A fórmula de disputa, dessa vez, é diferente. Os dez participantes, em vez dos 12 inicialmente previstos (Austrália e Qatar desistiram de participar), foram divididos em dois grupos. Na primeira fase, vão jogar em turno único. Ao final de cinco rodadas, os quatro primeiros de cada chave avançam para a segunda fase. A partir das quartas de final, serão realizadas disputas em jogo único até que seja conhecido o campeão.

O desempenho recente do Chile

O Chile garantiu seu lugar na próxima fase, com duas jornadas de antecipação, ao empatar, por 1 a 1, com o Uruguai na segunda-feira, 21 de junho. O duelo foi disputado na Arena Pantanal. Os chilenos saíram na frente com tento de Vargas aos 26 minutos da etapa inicial após assistência de Brereton. Foi a única finalização certa da equipe no confronto. Na fase final, os uruguaios alcançaram o empate aos 21 minutos. Coube a Suarez colocar a bola na rede.

O empate foi um excelente resultado diante do que aconteceu nas quatro linhas. A Celeste foi superior na partida. Contando com a posse da pelota por 54% do tempo, contou com mais do que dobro de oportunidades para finalização (16 a 7) e foram ainda melhores no quesito tiro certo (4 a 1). Assim, evitar a derrota acabou sendo um grande negócio para os chilenos que, de quebra, saíram classificados.

Com cinco pontos (uma vitória e dois empates), a seleção do Chile ocupa a segunda posição do grupo A. Está dois pontos abaixo da Argentina, primeira colocada, que folga na quarta rodada. Os chilenos fecham sua participação no estágio inicial. Ficarão de fora na última rodada aguardando apenas a definição de quem será seu adversário nas quartas de final. Os atletas convocados para Copa América foram:

Goleiros: Claudio Bravo (Real Bétis), Gabriel Arias (Racing) e Gabriel Castellón (Huachipato);

Defensores: Gary Medel (Bologna), Mauricio Isla (Flamengo), Eugenio Mena (Racing), Guillermo Maripán (Monaco), Enzo Roco (Fatih Karagumruk-TUR), Sebastián Vegas (Monterrey), Francisco Sierralta (Watford) e Daniel González (Santiago Wanderers);

Meio-campistas: Arturo Vidal (Inter de Milão), Charles Aránguiz (Bayer Leverkusen), Erick Pulgar (Fiorentina), César Pinares (Grêmio), Claudio Baeza (Toluca), Pablo Galdames (Vélez Sarsfield), Tomás Alarcon (O’Higgins), Pablo Aránguiz (Universidad de Chile) e Marcelino Núñez (Universidad de Chile);

Atacantes: Alexis Sánchez (Inter de Milão), Eduardo Vargas (Atlético-MG), Felipe Mora (Portland Timbers), Jean Meneses (León), Carlos Palacios (Internacional), Clemente Montes (Universidad Católica), Luciano Arriagada (Colo-Colo) e Ben Brereton (Blackburn Rovers-ING).

Provável escalação do Chile

 

Chile na temporada atual

últimos jogos
06/25 202125/0602:00
06/25 202125/06
0-2
-
06/21 202121/0623:00
06/21 202121/06
1-1
-
06/18 202118/0623:00
06/18 202118/06
1-0
-
06/14 202114/0623:00
06/14 202114/06
1-1
-
06/09 202109/0603:30
06/09 202109/06
1-1
-

A forma atual do Paraguai

Camisa Schalke 04 Bundesliga

O Paraguai teve a Argentina como rival na segunda-feira, 21 de junho. Em Brasília, foi batido por 1 a 0. Sofreu o tento assinalado por Gomez aos dez minutos do primeiro tento e não teve a capacidade para reagir. Bem que tentou. Contando com posse de bola por 57% do tempo, teve mais chances de finalização (10 a 8) ao longo do jogo do que os argentinos. Porém, na hora dos tiros certos (2 a 4) foi inferior.

Assim, ficou parado nos três pontos conquistados em sua partida de estreia, quando derrotou a Bolívia, de virada, por 3 a 1. Ainda não está classificado para a próxima fase da Copa América. Ocupa a terceira posição do grupo A. Tem dois pontos a mais do que o Uruguai, quarto colocado, e três de frente na comparação com os bolivianos, que ainda não pontuaram e seguram a lanterna.

Diante da fragilidade da seleção da Bolívia, talvez o Paraguai nem precise pontuar mais para avançar. Os atletas convocados pelo técnico Eduardo Berizzo para competição foram:

Goleiros: Antony Silva (Puebla), Alfredo Aguilar (Olimpia), Gerardo Ortíz (Once Caldas);

Defensores: Gustavo Gómez (Palmeiras), Júnior Alonso (Atlético-MG), Fabián Balbuena (West Ham), Santi Arzamendia (Cerro Porteño), Robert Rojas (River Plate), Omar Alderete (Hertha Berlin), Alberto Espínola (Cerro Porteño) e David Martínez (River Plate);

Meio-campistas: Óscar Romero (San Lorenzo), Richard Sánchez (América-MÉX), Mathías Villasanti (Cerro Porteño), Alejandro Gamarra (Al-Taawoun), Piris da Motta (Flamengo), Gastón Giménez (Chicago Fire), Ángel Cardozo Lucena (Cerro Porteno), Jorge Morel (Guaraní), Andrés Cubas (Nimes) e Braian Ojeda (Olimpia);

Atacantes: Miguel Almirón (Newcastle), Ángel Romero (San Lorenzo), Antonio Bareiro (Libertad), Braian Samudio (Çaykur Rizezpor), Gabriel Ávalos (Argentinos Juniors), Carlos González (Pumas) e Julio Enciso (Libertad).

Provável escalação do Paraguai

 

Paraguai na temporada atual

últimos jogos
07/02 202102/0723:00
07/02 202102/07
(4)3-3(3)
-
3(4)
3(3)
06/29 202129/0602:00
06/29 202129/06
1-0
-
06/25 202125/0602:00
06/25 202125/06
0-2
-
06/22 202122/0602:00
06/22 202122/06
1-0
-
06/15 202115/0602:00
06/15 202115/06
3-1
-

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Chile x Paraguai:

Contra um Chile já garantido e talvez preservando seus atletas titulares da partida, o Paraguai, que está muito perto de assegurar sua vaga na próxima fase, tem o prognóstico na igualdade o palpite indicado para o encontro desta quinta-feira pela penúltima rodada da fase de grupos da Copa América 2021.

Prognóstico e palpite final para Chile x Paraguai:


Promoções para Copa América 2021

Promoções Copa América

Acompanhe tudo sobre a Copa América 2021