Odds are subject to change. Last updated 02/07/2021 15:55.
Promoção 1xbet Eurocopa

As informações e o palpite para Bélgica x Itália

Naquele que é o mais aguardado confronto das quartas de final da Euro 2020, Bélgica e Itália, duas seleções que entraram na disputa com status de favoritas ao título, têm seus caminhos cruzados nesta sexta-feira, 2 de junho. O encontro terá como sede a Allianz Arena, em Munique, na Alemanha. A previsão é de que a bola comece a rolar às 16h (horário de Brasília). Quem avançar terá como adversário na semifinal o vencedor do duelo envolvendo Suíça e Espanha.

Como funciona a Euro 2020

A edição 2020 da Eurocopa é comemorativa. Celebra os 60 anos de torneio. Seria realizada no ano passado, mas acabou sendo adiada devido à pandemia de Covid-19. A grande novidade é a ausência de uma sede fixa. Os jogos foram compartilhados por vários países com os encontros decisivos sendo reservados para Londres. 

O formato é o mesmo da Euro 2016, que recebeu o acréscimo do número de participantes. São 24 seleções. Elas foram divididas em seis grupos na primeira fase. Jogaram em turno único. Ao final das três rodadas, as duas primeiras de cada chave avançam para as oitavas de final. Além das 12 classificadas diretamente, entre as terceiras colocadas, as quatro melhores conseguem um lugar na repescagem completando a chave para as oitavas de final.

A partir de então, todos os jogos passaram a ser eliminatórios. Eles podem recorrer à prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis como critérios de desempates. As equipes vão passando pelo funil até que sejam definidos os dois finalistas. A decisão está marcada para 11 de julho.

O desempenho recente da Bélgica

Um chute no alvo, um gol, classificação assegurada. Foi essa a atuação minimalista da Bélgica no domingo, 27 de junho, na partida das oitavas de final diante da seleção de Portugal, detentora do título da Euro 2016. O tento assinalado por Thorgan Hazard, aos 42 minutos do primeiro tempo, garantiu aos belgas a vitória por 1 a 0 diante dos lusitanos no estádio de La Cartuja, em Sevilha, na Espanha, e o direito de prosseguir na luta pelo título.

No entanto, a atuação foi muito longe de um time que se propõe a faturar o título. Os belgas produziram somente seis oportunidades de finalização no confronto, em que tiveram a posse de bola por 44% do tempo. Os portugueses, muito mais agressivos, fizeram 24 disparos. Esbarraram, no entanto, na má pontaria. Catorze dos arremates foram para fora. Cinco acabaram sendo bloqueados pelo sistema defensivo da Bélgica e cinco foram interceptados pelo arqueiro Courtois.

Assim, a Bélgica seguiu em sua linha de vencer sem convencer que prevaleceu na primeira fase, quando acumulou os nove pontos possíveis ficando na primeira posição do grupo B sem ter feito uma boa atuação sequer. Para o duelo contra os italianos, o técnico Roberto Martinez tem muitos problemas de ordem médica. Castagne e Mignolet, lesionados, estão descartados. De Bruyne e Eden Hazard, em processo de recuperação de lesão, devem ser relacionados para o jogo, ainda que não estejam no melhor de seu condicionamento físico. Chadli, com problemas pessoais, não deverá atuar. Os atletas convocados para Euro 2020 foram:

  • Goleiros: Thibaut Courtois (Real Madrid), Simon Mignolet (Brugge) e Mats Selz (Strasbourg);
  • Defensores: Toby Alderweireld (Tottenham), Dedryck Boyata (Hertha Berlin), Jason Denayer (Lyon), Thomas Vermaelen (Vissel Kobe-JAP) e Jan Vertonghen (Benfica);
  • Meio-campistas: Timothy Castagne (Leicester), Nacer Chadli (Istanbul Basaksehir), Yannick Carrasco (Atlético de Madrid), Kevin De Bruyne (Manchester City), Leander Dendoncker (Wolverhampton), Thorgan Hazard (Borussia Dortmund), Thomas Meunier (Borussia Dortmund), Dennis Praet (Leicester), Youri Tielemans (Leicester), Hans Vanaken (Brugge) e Axel Witsel (Borussia Dortmund);
  • Atacantes: Michy Batshuayi (Crystal Palace), Christian Benteke (Crystal Palace), Jérémy Doku (Rennes), Eden Hazard (Real Madrid), Romelu Lukaku (Inter de Milão), Dries Mertens (Napoli), e Leandro Trossard (Brighton).

Provável escalação da Bélgica

 

Bélgica na temporada atual

últimos jogos
07/02 202102/0721:00
07/02 202102/07
1-2
-
06/27 202127/0621:00
06/27 202127/06
1-0
-
06/21 202121/0621:00
06/21 202121/06
0-2
-
06/17 202117/0618:00
06/17 202117/06
1-2
-
06/12 202112/0621:00
06/12 202112/06
3-0
-

A forma atual da Itália

Camisa Schalke 04 Bundesliga

A Itália, assim como a Bélgica, alcançou o aproveitamento de 100% da primeira fase. Ficou no topo da tabela de classificação do grupo A ao superar Turquia (3 a 0), Suíça (3 a 0) e País de Gales (1 a 0). Porém, teve sua sequência de sucessos quebrada nas oitavas de final. Não foi capaz de definir o duelo com a Áustria no sábado, 26 de junho, realizado no estádio de Wembley, em Londres, no período regulamentar, que ficou no 0 a 0. Precisou da prorrogação para garantir sua sobrevivência na luta pelo título. Marcou 2 a 1.

Diante dos austríacos, os italianos fizeram um primeiro tempo que beirou o massacre. Com a posse de bola por 55% do tempo, dispararam 12 arremates. Porém, só dois deles no alvo. Os rivais criaram somente uma oportunidade de finalização, porém, errada. Na fase final, a situação mudou. Houve mais equilíbrio, até uma superioridade da Áustria, que criou mais chances de arremate (8 a 6). Porém, tiro no alvo mesmo só um, dos austríacos.

No período extra, logo aos cinco minutos Chiesa abriu o placar. Aos 15 minutos, Pessina ampliou. A Áustria descontou aos nove minutos do segundo tempo e tentaram pressionar no final, mas sem conseguir sucesso. Além do desgaste físico maior, o técnico Roberto Mancini ainda terá que administrar a baixa de Florenzi, lesionado, para a partida desta sexta-feira. Chiellini, outro que está aos cuidados do departamento médico, ainda é dúvida. Os atletas convocados para o torneio foram:

  • Goleiros: Gianluigi Donnarumma (Milan), Alex Meret (Napoli), Salvatore Sirigu (Torino).
  • Defensores: Francesco Acerbi (Lazio), Alessandro Bastoni (Inter), Leonardo Bonucci (Juventus), Giorgio Chiellini (Juventus), Giovanni Di Lorenzo (Napoli), Emerson Palmieri (Chelsea), Alessandro Florenzi (Paris Saint-Germain), Leonardo Spinazzola (Roma), Rafael Toloi (Atalanta).
  • Meio-campistas: Nicolò Barella (Inter), Bryan Cristante (Roma), Jorginho (Chelsea), Manuel Locatelli (Sassuolo), Lorenzo Pellegrini (Roma), Stefano Sensi (Inter), Marco Verratti (Paris Saint-Germain).
  • Atacantes: Andrea Belotti (Torino), Domenico Berardi (Sassuolo), Federico Bernardeschi (Juventus), Federico Chiesa (Juventus), Ciro Immobile (Lazio), Lorenzo Insigne (Napoli), Giacomo Raspadori (Sassuolo).

Provável escalação da Itália

 

Itália na temporada atual

últimos jogos
07/11 202111/0721:00
07/11 202111/07
(3)1-1(2)
-
07/06 202106/0721:00
07/06 202106/07
(4)1-1(2)
-
07/02 202102/0721:00
07/02 202102/07
1-2
-
06/26 202126/0621:00
06/26 202126/06
2-1
-
06/20 202120/0618:00
06/20 202120/06
1-0
-

Estatísticas de ambas seleções


Prognóstico e palpite final para Bélgica x Itália:

A Itália tem mostrado futebol de maior qualidade. Assim, o prognóstico em seu sucesso diante da Bélgica é o palpite indicado para o confronto desta sexta-feira pelas quartas de final da Euro 2020.

Prognóstico e palpite final para Bélgica x Itália:


Promoções para Eurocopa 2021

Promoções Eurocopa

Acompanhe tudo sobre a Eurocopa 2021