Arena Nationala

EURO Grp. C

13/06/2021

13:00

Austria
North Macedonia
Odds are subject to change. Last updated 13/06/2021 12:55.
Odds are subject to change. Last updated 13/06/2021 12:55.
bet365

As informações e o palpite para Áustria x Macedônia do Norte

Participando pela primeira vez de uma fase final da Eurocopa, a Macedônia do Norte faz contra a Áustria sua estreia na Euro 2020. O duelo que abre no domingo, 13 de junho, a disputa do grupo C terá como sede a Arena Nacional, em Bucareste, na Romênia, que poderá receber até 18.360 espectadores. A previsão é de que a bola comece a rolar às 13h (horário de Brasília). A chave tem ainda Holanda e Ucrânia.

Como funciona a Euro 2020

A edição 2020 da Eurocopa é comemorativa. Celebra os 60 anos de torneio. Seria realizada no ano passado, mas acabou sendo adiada devido à pandemia de Covid-19. A grande novidade é a ausência de uma sede fixa. Os jogos foram compartilhados por vários países com os encontros decisivos sendo reservados para Londres. 

O formato é o mesmo da Euro 2016, que recebeu o acréscimo do número de participantes. São 24 seleções. Elas foram divididas em seis grupos. Jogam, na primeira fase, em turno único. Ao final das três rodadas, as duas primeiras de cada chave avançam para as oitavas de final. Além das 12 classificadas diretamente, entre as terceiras colocadas, as quatro melhores conseguem um lugar na repescagem completando a chave.

A partir de então, em jogos eliminatórios, que podem recorrer à prorrogação de 30 minutos e decisão por pênaltis como critérios de desempates, as equipes vão passando pelo funil até que se defina os dois finalistas. A decisão está marcada para 11 de julho.

O desempenho recente da Áustria

A Áustria assumiu o papel de coadjuvante no grupo G das eliminatórias para Euro 2020. A chave foi dominada pela Polônia, que conquistou 25 pontos e garantiu o primeiro lugar e a classificação para fase final do torneio sem qualquer problema. Os austríacos, com 19 pontos (seis vitórias, um empate e três derrotas), também não passaram por qualquer susto. Garantiram seu lugar com a segunda colocação da chave.

Porém, deram um passo adiante na Liga das Nações da Europa. Na segunda edição do torneio, disputada logo depois das eliminatórias da Euro, os austríacos conseguiram subir um degrau. Com 13 pontos (quatro vitórias, um empate e uma derrota), ficaram com o primeiro lugar do grupo 1 da Liga B, a Segunda Divisão. Deixaram para trás Noruega (dez pontos), Romênia (oito) e Irlanda do Norte (dois), garantindo, dessa maneira, o direito de disputar a Liga A, a divisão de elite da competição, em sua próxima versão.

No entanto, não conseguiu manter a boa sequência no começo das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022. Em seu jogo de estreia, ficou no empate, por 2 a 2, contra a Escócia. Fora de casa, resultado até aceitável. Depois, teve dois jogos em casa. Marcou 3 a 1 nas Ilhas Faroé, confirmando seu favoritismo. No entanto, foi surrada pela Dinamarca, por 4 a 0, no encontro seguinte. Com quatro pontos, divide com Israel a terceira posição da chave F, que tem os dinamarqueses, com cinco pontos a mais, na liderança.

Equipe não faz gol há três partidas

Os austríacos, depois de passarem em branco na desastrosa partida contra os dinamarqueses, passaram em branco também nos dois amistosos que disputaram logo antes da estreia na fase final da Euro 2020. Diante da Inglaterra, em Middlesbrough, foram batidos por 1 a 0. Apesar da derrota, até que conseguiram mostrar um pouco de qualidade ante um time tecnicamente bem superior. Dominando a posse da pelota por 55% do tempo, a Áustria criou mais chances de finalização (13 a 9). No entanto, pecou na qualidade. Foram somente dois arremates certos contra quatro dos donos da casa, que marcaram seu tento aos 12 minutos da etapa final através de Saka.

Em 6 de junho, o teste final foi contra a Eslováquia. O encontro ficou na igualdade sem movimentação do marcador. Dessa vez jogando em casa, a Áustria assumiu o controle da partida. Contou com a posse da bola por 57% do tempo, criou mais do que o dobro de chances de finalização (18 a 8). Mas, outra vez, esbarrou no problema da qualidade dos arremates. Mandou cinco na direção certa, mesmo número dos rivais.

O técnico Franco Foda tem como base tática o sistema 4-4-2. Os jogadores convocados para a disputa da Euro 2020 foram:

  • Goleiros: Daniel Bachmann (Watford), Heinz Lindner (Basel), Pavao Pervan (Wolfsburg) e Alexander Schlager (LASK);
  • Defensores: David Alaba (Bayern de Munique), Aleksandar Dragovic (Bayer Leverkusen), Marco Friedl (Werder Bremen), Martin Hinteregger (Frankfurt), Stefan Lainer (Borussia Mönchengladbach), Philipp Lienhart (Freiburg), Stefan Posch (Hoffenheim), Christopher Trimmel (Union Berlin) e Andreas Ulmer (Salzburg);
  • Meias: Julian Baumgartlinger (Bayer Leverkusen), Christoph Baumgartner (Hoffenheim), Florian Grillitsch (Hoffenheim), Stefan Ilsanker (Frankfurt), Konrad Laimer (Leipzig), Valentino Lazaro (Borussia Mönchengladbach), Marcel Sabitzer (RB Leipzig), Louis Schaub (Luzern-SUI), Xaver Schlager (Wolfsburg) e Alessandro Schöpf (Schalke 04);
  • Atacantes: Marko Arnautović (Shanghai Port-CHN), Michael Gregoritsch (Augsburg), Sasa Kalajdzic (Stuttgart) e Karim Onisiwo (Mainz).

Provável escalação da Áustria

 

Áustria na temporada atual


A forma atual da Macedônia do Norte

Camisa Schalke 04 Bundesliga

A Macedônia do Norte fez parte do mesmo grupo da Áustria nas eliminatórias para Euro 2020 e não conseguiu se classificar. Com 14 pontos (quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas). Terminou na terceira colocação. No entanto, ganhou uma segunda chance. Pode disputar as quatro vagas abertas na repescagem que foram abertas para times com melhor desempenho, entre os não classificados via eliminatórias, na Liga das Nações da Europa, uma novidade no regulamento da Eurocopa.

Conseguiu tirar proveito dessa oportunidade. Superou Kosovo, por 2 a 1, nas semifinais dos playoffs, e a Geórgia por 1 a 0, garantindo pela primeira vez em sua história a classificação para a fase final de um torneio de primeiro nível. Isso acabou custando a chance de dar mais um passo adiante na Liga das Nações da Europa. Na segunda edição do torneio, teve que tirar o pé do acelerador na reta final, quando estava dividida na disputa da repescagem. Com jogos acumulados, acabou perdendo para Armênia o título do grupo 2 da Liga C, a Terceira Divisão da competição. Assim, marcou passo na tentativa de subir para Liga B.

Em março, no entanto, foi responsável por um dos mais surpreendentes resultados do início da disputa das Eliminatórias Europeias para Copa do Mundo do Qatar de 2022. Na terceira rodada do torneio, bateu a Alemanha, na casa da rival, por 2 a 1. Antes, havia goleado Liechtenstein por 5 a 0 e, na estreia, perdera para Romênia por 3 a 2. Os seis pontos conquistados a colocam na vice-liderança do grupo J, ao lado dos alemães. A primeira colocação da chave é da Armênia, que tem três pontos a mais.

Goleada fechou período de testes antes da estreia

Os macedônios concluíram sua preparação para a fase final da Euro 2020 com uma goleada por 4 a 0 em cima da seleção do Cazaquistão. O amistoso foi disputado em 4 de junho. Porém, a vantagem larga deve ser vista com alguma desconfiança. Houve dificuldade para que o placar fosse aberto. Isso só aconteceu aos 35 minutos da etapa inicial em cobrança de pênalti convertida por Alioski. A margem só foi ampliada depois que os cazaques ficaram em desvantagem numérica. Muzhikovc recebeu o cartão vermelho no final do primeiro tempo

Na fase final, Trickovski fez o segundo. Ristovski, aos 29 minutos, e Churinov, dois minutos depois, completaram o serviço. Se na fase inicial a Macedônia havia criado oito chances de arremate sendo três no alvo. Na segunda parte, foram 13 tiros, sendo oito certos. No primeiro amistoso da série, em 1 de junho, o time ficou no empate, por 1 a 1, com a Eslovênia. Saiu na frente com Elmas, aos dez minutos do segundo tempo. sofreu a igualdade aos 52 minutos em gol de Crnigoj no único arremate certo dos eslovenos.

O técnico Igor Angelovski tem como formação base um sistema com linha de três defensores protegida por quatro meio-campistas. Um meia de ligação é o principal responsável por alimentar os dois atacantes. Os convocados para a disputa da Euro 2020 pela Macedônia do Norte foram:

  • Goleiros: Stole Dimitrievski (Rayo Vallecano), Damjan Siskovski (Doxa Katokopia-CHP) e Riste Jankov (Rabotnicki-MAC);
  • Defensores: Stefan Ristovski (Dinamo Zagreb), Visar Musliu (Fehérvár-HUN), Egzon Bejtulai (Shkëndija-MAC), Kire Ristevski (Újpest-HUN), Gjoko Zajkov (Charleroi-BEL), Darko Velkovski (Rijeka-CRO) e Ezdzan Alioski (Leeds);
  • Meias: Arijan Ademi (Dinamo Zagreb), Enis Bardhi (Levante), Stefan Spirovski (AEK Larnaca-CHP), Boban Nikolov (Lecce), Tihomir Kostadinov (Ružomberok-ESQ), Ferhan Hasani (Partizani), Eljif Elmas (Napoli), Daniel Avramovski (Kayserispor), Darko Curlinov (Stuttgart) e Marjan Radeski (Akademija Pandev-MAC);
  • Atacantes: Goran Pandev (Genoa), Aleksandar Trajkovski (Mallorca), Ivan Trickovski (AEK Larnaca-CHP), Vlatko Stojanovski (Chambly-FRA), Krste Velkovski (Sarajevo) e Milan Ristovski (Spartak Trnava-EVQ).

Provável escalação da Macedônia do Norte

 

Macedônia do Norte na temporada atual


Estatísticas de ambas seleções

Prognóstico e palpite final para Áustria x Macedônia do Norte:

Ainda que possua atletas de nível técnico superior em maior número, a Áustria tem uma Macedônia do Norte e processo de crescimento. Dessa maneira, o prognóstico na igualdade no confronto pela primeira rodada da Euro 2020 é o palpite indicado para o encontro do grupo C.

Prognóstico e palpite final para Áustria x Macedônia do Norte:


Promoções para Eurocopa 2021

Promoções Eurocopa

Acompanhe tudo sobre a Eurocopa 2021