Bate vence!
Aposte agora em Bet365

Prognóstico para Piast x Bate Borisov

Nosso palpite: Bate vence

Registre-se e aposte com as melhores cotações para o jogo

 

As informações e o palpite para Piast x Bate Borisov

Piast, da Polônia, e Bate Borisov, da Bielorrússia, fazem nesta quarta-feira, 17 de julho, a partida pela rodada de volta da segunda etapa das eliminatórias destinadas a indicar os últimos participantes da fase de grupos da edição 2019/2020 da Liga dos Campeões. O jogo será realizado no Miejski w Gliwicach, em Gliwice, a partir das 15h (horário de Brasília).

O primeiro encontro terminou em igualdade de 1 a 1. Assim, os poloneses avançarão não apenas em caso de vitória, mas também se o duelo não sair do 0 a 0. No próximo estágio o rival será o vencedor do duelo entre Linfield (Irlanda do Norte) e Rosenborg (Noruega). Os bielorrussos podem superar esse estágio em caso de sucesso ou de igualdade por dois ou mais tentos. A repetição do marcador leva a definição para a prorrogação.

As eliminatórias da Champions League têm quatro estágios. O primeiro, chamado de fase preliminar, foi concluído. Disputado por somente quatro equipes teve como vencedor o KF Feronikeli, de Kosovo. Nessa segunda fase, as oitavas de final, 32 clubes brigam pela sobrevivência em confrontos de ida e volta. Avança quem somar maior número de pontos. Saldo de gols e tentos assinalados fora de casa valem como critérios de desempate. Prorrogação e decisão por pênalti são os recursos finais para definição.

Os 16 que resistirem passam para as quartas de final, que já contam com oito clubes classificados. Os 24 times, farão mais uma vez um estágio de mata-mata, que cortará metade deles. Por fim, o chamado playoff tirará mais seis da batalha e indicará os seis que se juntarão aos 26 pré-classificados, que são:

Espanha: Barcelona, Atlético de Madrid, Real Madrid, Valencia;
Inglaterra: Manchester City, Liverpool (campeão), Chelsea, Tottenham;
Itália: Juventus, Napoli, Atalanta, Internazionale;
Alemanha: Bayern de Munique, Borussia Dortmund, Leipzig, Bayer Leverkusen;
França: Paris Saint-Germain, Lille, Lyon;
Rússia: Zenit, Lokomotiv Moscou;
Portugal: Benfica;
Ucrânia: Shakhtar Donetsk;
Bélgica: Genk;
Turquia: Galatasaray e
Áustria: Salzburg.

Os perdedores dos playoffs não ficarão de mão abanando. Terão lugar na disputa da Europa League.

O desempenho recente do Piast

O Piast terá que administrar o primeiro fracasso da temporada antes de entrar em campo. No sábado, 13 de julho, perdeu a disputa da Supercopa da Polônia para o Lechia. Levou 3 a 1 vendo o rival não apenas levantar a taça, mas interromper uma sequência invicta que alcançou 11 confrontos (oito vitórias e três empates). Nessa lista não constam, naturalmente, partidas amistosas.

Os jogos preparatórios para a temporada foram três. O Piast empatou o Sered, da Eslováquia, por 2 a 2. Repetiu o marcador contra o GKS Jastrzebie, também da Polônia, e goleou o Legnica, por 7 a 1, outro clube de seu país.
A vaga na Champions League foi assegurada com o título da edição 2018/2019 da Ekstraklasa, a Primeira Divisão do Campeonato Polonês. Terceiro colocado na fase de classificação, arrancou para o troféu no octogonal decisivo ao atingir 72 pontos (21 vitórias, nove empates e sete derrotas) deixando o Legia na segunda posição. A diferença entre eles ficou na casa dos quatro pontos.

Como mandante, o Piast acumulou 49 pontos (15 vitórias, três empates e uma derrota). Na condição de visitante, mostrou desempenho bastante inferior. Foi o quinto melhor no ranking desse quesito com 24 pontos (seis vitórias, seis empates e seis derrotas).

A forma atual do Bate Borisov

O Bate teve um resultado bem mais animador no sábado, 13 de julho. Atuando em seus domínios, goleou o Zhodino por 4 a 1 em confronto que fez parte da programação da décima quinta rodada da Vysshaya Liga, a Primeira Divisão do Campeonato na Bielorrússia em sua temporada 2019.

Ao alcançar 37 pontos (12 vitórias, um empate e duas derrotas), o clube de Borisov assumiu a liderança da disputa aproveitando-se da derrota para o Brest que, em casa, levou 2 a 1 do Dínamo Minsk ficando estacionado nos 36 pontos e caindo para segunda posição.

Para o encontro desta quarta-feira, o time não poderá contar com o meio-campista Stanislva Dragun. Ele foi expulso nos segundos finais da partida de ida e terá que cumprir suspensão automática.

Na temporada passada, o Bate Borisov disputou a Liga Europa, avançou para o estágio de mata-mata, mas teve sua trajetória interrompida pelo Arsenal depois de vencer o primeiro jogo, em casa, e levar a virada na Inglaterra. Agora, tenta ‘subir’ para o torneio mais importante do continente.

Melhorar no cenário internacional é a ambição que lhe resta, uma vez que nacionalmente não tem muito mais o que conquistar. O Bate venceu as 13 últimas edições da Vysshaya Liga, o Campeonato Bielorrusso.

O direito de disputar as eliminatórias da Champions League foi fruto da campanha em 2018, quando alcançou o título ao atingir 73 pontos (23 vitórias, quatro empates e três derrotas). Foram nove a mais que o Soligorsk, vice-campeão. Como mandante, acumulou 39 pontos (12 vitórias e três empates), sendo o único a completar a participação de forma invicta nessa condição. Como visitante, ganhou 34 pontos (11 vitórias, um empate e três derrotas).

Prognóstico e palpite final para Piast x Bate Borisov

Ainda que atue em casa e tenha a vantagem de contar com o empate sem gols a seu favor, o Piast enfrenta um time que tem mostrado bastante eficiência. Assim, o prognóstico na vitória do Bate Borisov acaba sendo boa opção de palpite para o encontro desta quarta-feira na busca por lucro maior no confronto pela rodada de volta da segunda fase das eliminatórias para edição 2019/2020 da Champions League.

Prognóstico e palpite final para Piast x Bate Borisov:

Cotação de 3,60* na plataforma de apostas esportivas de Bet365.

*A cotação estava disponível às 9h38 de 15/3/2019