Odds are subject to change. Last updated 10/07/2021 20:55.
Promoção Brasil x Argentina


No Olho do Furacão

E não é que a esperada decisão da Copa América 2021 realmente se concretizou. A seleções de Brasil e Argentina vão decitir o título do torneio continental neste sábado, 10 de julho, no Maracanã, Rio de Janeiro, a capital mundial do futebol. Não podia ser em outro lugar. Bola rolando a partir das 21h (horário de Brasília).

Vale o que está escrito

Quem vencer coloca o troféu na galeria. Empate, agora, é diferente. Ao contrário das quartas de finais e semifinais, em que a disputa ia direto para os pênaltis, em caso de igualdade ainda teremos prorrogação de 30 minutos. Só então, se não houver definição, as penalidades virarão recurso para definir o campeão.

Futebol é bola na rede (ou não)

Uma dúzia de bolas na rede. Foi o que a seleção brasileira produziu ofensivamente até agora. Quatro jogos na primeira fase, dois nos estágios eliminatórios. Média exatinha de dois gols por confronto. Na primeira etapa, foi bem maior. De 2,5 por jogo. Na hora de a onça beber água, caiu, naturalmente. Um tento por encontro. A Argentina não ficou muito atrás no geral. Foram 11 gols. Porém, o desempenho é crescente. Na fase inicial, a média ficou em 1,75. Depois, nos encontros decisivos, saldou para dois tentos por jogo. Denfensivamente, o Brasil também tem ligeira vantagem. Foram dois gols sofridos, ambos na primeira fase. A Argentina teve sua rede balançada três vezes. Duas na etapa classificatória e uma na hora dos duelos de vida ou morte.

Desfalques sentidos

O Brasil perdeu o atacante Gabriel Jesus também para a final da Copa América. Ele foi expulso no jogo das quartas de final contra o Chile. Havia cumprido a punição automática nas semifinais diante do Peru, mas teve sua pena ampliada para dois encontros. Assim, fica fora também da decisão. No lado argentino, não há qualquer perda significativa.

Na prancheta

Como era de se esperar, o técnico Tite, da seleção brasileira, não mudou seu padrão tático mesmo sem Gabriel Jesus na partida contra o Peru. Manteve a linha de quatro defensores, dois volantes de contenção, três atletas fazendo a ligação entre meio e ataque e só um homem na frente. Isso deve prevalecer também contra a Argentina na decisão. A única questão fica por conta da manutenção de Everton Cebolinha na vaga do ainda suspenso Jesus. Os argentinos também têm se mantido fiéis ao formato no 4-3-3 e não devem abrir mão dessa estratégia mesmo contra o Brasil.


O desempenho recente da Argentina

A Argentina foi a campeão do grupo A na primeira fase da Copa América 2021. Somou dez pontos (três vitórias e um empate). Foram três pontos a mais do que o Uruguai, vice-líder da chave. Nas quartas de final, atropelou a equipe equatoriana marcando 3 a 0. Nas semifinais, teve vida mais dura. Na terça-feira, 6 de julho, ficou no 1 a 1 com a Colômbia durante o período regulamentar. Só ganhou seu lugar na final ao levar a melhor na decisão por pênaltis. Tenta quebrar um longo tabu de conquistas na competição continental, que não vence desde 1993. Os jogadores chamados para versão atual do torneio foram:

Goleiros: Agustín Marchesín (Porto), Emiliano Martínez (Aston Villa), Juan Musso (Udinese) e Franco Armani (River Plate); 

Defensores: Nicolás Tagliafico (Ajax), Gonzalo Montiel (River Plate), Germán Pezzella (Fiorentina), Marcos Acuña (Sevilla), Cristian Romero (Atalanta), Lisandro Martínez (Ajax), Nicolas Otamendi (Benfica), Lucas Martínez Quarta (Fiorentina), Nahuel Molina (Udinese);

Meio-campistas: Leandro Paredes (PSG), Rodrigo De Paul (Udinese), Ángel Di María (PSG), Exequiel Palacios (Bayer Leverkusen), Nicolás Dominguez (Bologna), Giovani Lo Celso (Tottenham), Guido Rodríguez (Real Bétis);

Atacantes: Sergio Aguero (Barcelona), Lionel Messi (Barcelona), Nicolás González (Stuttgart), Joaquín Correa (Lazio), Ángel Correa (Atlético de Madrid), Lautaro Martínez (Inter de Milão), Papu Gómez (Sevilla) e Julián Álvarez (River Plate).

Provável escalação da Argentina

 

Argentina na temporada atual

últimos jogos
07/11 202111/0702:00
07/11 202111/07
1-0
-
07/07 202107/0703:00
07/07 202107/07
(3)1-1(2)
-
07/04 202104/0703:00
07/04 202104/07
3-0
-
06/29 202129/0602:00
06/29 202129/06
1-4
-
06/22 202122/0602:00
06/22 202122/06
1-0
-

A forma atual do Brasil

Camisa Schalke 04 Bundesliga

Esta é a sexta vez que o Brasil sedia uma edição da Copa América. Nas cinco oportunidades anteriores em que recebeu o torneio terminou como campeão. A seleção canarinho passou com tranquilidade pela primeira fase. Ficou no topo da tabela de classificação do grupo B com dez pontos (três vitórias e um empate). Nas quartas de final, despachou o Chile marcando 1 a 0 mesmo tento atuado com um a menos desde os três minutos do segundo tempo (Gabriel Jesus foi expulso). Na semifinal, superou o Peru, por 1 a 0, na segunda-feira, 5 de julho. Os atletas convocados para a competição foram:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Defensores: Thiago Silva (Chelsea), Marquinhos (PSG), Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus), Éder Militão (Real Madrid), Renan Lodi (Atlético de Madrid), Léo Ortiz (Red Bull Bragantino) e Emerson (Barcelona);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United), Lucas Paquetá (Lyon), Éverton Ribeiro (Flamengo) e Douglas Luiz (Aston Villa); 

Atacantes: Neymar (PSG), Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Richarlison (Everton), Everton (Benfica), Gabigol (Flamengo) e Vinícius Jr. (Real Madrid).

Provável escalação do Brasil

 

Brasil na temporada atual

últimos jogos
07/11 202111/0702:00
07/11 202111/07
1-0
-
07/06 202106/0701:00
07/06 202106/07
1-0
-
07/03 202103/0702:00
07/03 202103/07
1-0
-
06/27 202127/0623:00
06/27 202127/06
1-1
-
06/24 202124/0602:00
06/24 202124/06
2-1
-

Palpite do Jairzinho para Argentina x Brasil:

Os números mostram bastante equilíbrio entre Brasil e Argentina até agora na disputa. O fator casa, sem a presença de pública, tem sua influência diminuída. Assim, o prognóstico na igualdade parece ser o palpite mais indicado para o período regulamentar da batalha deste sábado valendo o título da Copa América 2021.

Prognóstico e palpite final para Argentina x Brasil:


Promoções para Copa América 2021

Promoções Copa América

Acompanhe tudo sobre a Copa América 2021