World Cup Qualification CONMEBOL

03/06/2021

17:00

Bolivia
Venezuela
Odds are subject to change. Last updated 03/06/2021 16:56.
Bolivia vence
Casa de aposta 1 X 2
Betway
1.83 3.50 4.20
Sportingbet
1.85 3.50 4.10
Odds are subject to change. Last updated 03/06/2021 16:56.

As informações e o palpite para Bolívia x Venezuela

Depois de mais de um ano de paralisação das Eliminatórias Sul-Americanas para Copa do Mundo do Qatar de 2022, o confronto entre as duas piores seleções do continente foi o duelo escolhido para reabrir a disputa. Bolívia e Venezuela terão seus caminhos cruzados nesta quinta-feira, 3 de junho, na retomada da briga pelas vagas no próximo mundial. O encontro é parte da agenda da sétima rodada do torneio, que teve quatro jornadas completadas. Será realizado no estádio estádio Hernando Siles, na altitude de pouco mais de 3,6 mil metros acima do nível do mar de La Paz. O pontapé inicial está marcado para 17h (horário de Brasília).

Como funcionam as Eliminatórias Sul-Americanas

Com dez seleções participantes, as eliminatórias sul-americanas são disputadas em sistema de pontos corridos com turno e returno. Ao final de 18 rodadas, os quatro primeiros colocados terão vaga garantida na Copa do Mundo do Qatar de 2022. O quinto colocado ainda terá chance de chegar lá. Porém, para isso, terá que disputar a repescagem contra o campeão das eliminatórias da Oceania. Serão duas partidas (ida e volta).

O desempenho recente da Bolívia

A Bolívia tem sido uma mera participante das eliminatórias. Não demonstra qualquer capacidade para brigar por um lugar no Mundial. O time não vence um jogo oficial desde as eliminatórias para Copa do Mundo de 2021. Marcou 1 a 0 na seleção chilena. Contou com a altitude em seu favor. É sua grande arma. Desde então, até ganhou duas vezes em amistosos. Superou as frágeis seleções de Myanmar (3 a 0) e Haiti (3 a 1).

Nas Eliminatórias Sul-Americanas, nem mesmo o fator casa tem sido suficiente para que consiga pontuar. Enfrentou, em seu primeiro jogo como mandante, a Argentina. Perdeu por 2 a 1. Na segunda rodada dupla que foi completada, levou 3 a 2 do Equador. Na estreia da disputa, foi goleada pelo Brasil por 5 a 0. Apenas na quarta jornada conseguiu sair do zero. Atuando na condição de visitante, arrancou o empate por 2 a 2 com o Paraguai.

O único ponto conquistado, no entanto, não foi suficiente para tirá-la da décima – última – posição da tabela de classificação das eliminatórias, embora tenha a mesma pontuação da seleção peruana, que fica no nono posto por levar vantagem quando os critérios de desempate são levados em consideração. O técnico César Farias chamou 26 atletas para o duelo desta quinta-feira e para o encontro com o Chile, em Santiago, no próximo dia oito. A lista tem como base o Bolívar, que teve sete jogadores chamados. A relação conta com:

Goleiros: Carlos Lampe (Always Ready), Javier Rojas e Rubén Cordano (Bolívar).

Defensores: Diego Bejarano, Jairo Quinteros (Bolívar), José Sagredo (The Strongest), Enrique Flores (Always Ready), Oscar Ribera (Blooming), Luis Barboza (Aurora), Luis Haquín (Deportes Melipilla-CHI) e Adrián Jusino (AE Larissas-GRE).

Meias: Roberto Carlos Fernández, Leonel Justiniano, Erwin Saavedra (Bolívar), Diego Wayar, Ramiro Vaca, Jeyson Chura (The Strongest), Erwin Junior Sánchez (Blooming), Moisés Villarroel (Wilstermann), Henry Vaca (Oriente Petrolero) e Boris Céspedes (Servette-SUI).

Atacantes: Juan Carlos Arce, Rodrigo Ramallo (Always Ready), Gilbert Álvarez (Wilstermann), Jaume Cuellar (Spal-ITA) e Marcelo Martins Moreno (Cruzeiro).

Provável escalação da Bolívia

 

Bolívia na temporada atual

últimos jogos
06/15 202115/0602:00
06/15 202115/06
3-1
-
06/09 202109/0603:30
06/09 202109/06
1-1
-
06/03 202103/0622:00
06/03 202103/06
3-1
-
03/29 202129/0322:30
03/29 202129/03
2-1
-
03/27 202127/0302:00
03/27 202127/03
2-1
-

A forma atual da Venezuela

Camisa Schalke 04 Bundesliga

Normalmente a segunda pior seleção do continente, a Venezuela até se encontra em situação melhor que seu padrão no momento. Fruto da vitória que obteve na quarta rodada das eliminatórias. Atuando em casa, marcou 2 a 1 da seleção do Chile. Até então, estava zerada na tabela de classificação. Havia perdido para Colômbia (3 a 0), Paraguai (1 a 0) e Brasil (1 a 0). O resultado mostrou alguma evolução no trabalho do técnico português José Pesseiro.

Depois de um período de baixa em sua carreira, Pesseiro encontrou na Venezuela uma oportunidade para tentar recuperar seu prestígio. A chance foi aberta com a saída de Rafael Dudamel, que iniciou ainda nas eliminatórias para Copa do Mundo da Rússia um processo de renovação que acabou sendo interrompido no momento em que o treinador deixou a seleção para aceitar uma oferta do Atlético-MG. Acabou sendo dispensado pelo Galo, mas não voltou para o posto.

Com Pesseiro, houve uma mudança de rumos. Para o duelo desta quinta-feira e a partida contra o Uruguai, em casa, no próximo dia 8, o meia Tomás Rincón e o atacante Josef Martínez, que vinham sendo esquecidos, voltaram a ser relacionados. A lista completa de convocados tem:

Goleiros: Wuilker Faríñez (Lens, França), Joel Graterol (América de Cali, Colômbia) e Rafael Romo (Oud-Heverlee Leuven, Bélgica).

Defensores: Wilker Ángel (Akhmat Grozny, Rússia), Jhon Chancellor (Brescia, Itália), Luis Mago (Universidad de Chile, Chile), Rolf Feltscher (Würzburger Kickers, Alemanha), Nahuel Ferraresi (Moreirense, Portugal), Alexander González (Málaga, Espanha), Roberto Rosales (Leganés, Espanha), Mikel Villanueva (Santa Clara, Portugal) e Yohan Cumana (Deportivo La Guaira).

Meias: Tomás Rincón (Torino, Itália), Cristian Cásseres Jr (NY Red Bulls, EUA), Darwin Machís (Granada, Espanha), José Martínez (Philadelphia Union, EUA), Junior Moreno (DC United, EUA), Jhon Murillo (Tondela, Portugal), Rómulo Otero (Corinthians), Freddy Vargas (FC Dallas, EUA), Jefferson Savarino (Atlético-MG), Maurice Cova (Deportivo Táchira), Bernaldo Manzano (Deportivo Lara), Richard Celis e Edson Castillo (Caracas FC), Matías Lacava (Academia Puerto Cabello).

Atacantes: Fernando Aristeguieta (Mazatlán, México), Jhonder Cádiz (Nashville, EUA), Sergio Córdova (Arminia Bielefeld, Alemanha) e Josef Martínez (Atlanta United, EUA).

Provável escalação da Venezuela

 

Venezuela na temporada atual

últimos jogos
06/03 202103/0622:00
06/03 202103/06
3-1
-
11/17 202017/1122:00
11/17 202017/11
2-1
-
11/14 202014/1101:30
11/14 202014/11
1-0
-
10/14 202014/1000:00
10/14 202014/10
0-1
-

Estatísticas de ambos os times

Prognóstico e palpite final para Bolívia x Venezuela:

Tendo a chance de contar com o fator altitude, o prognóstico no sucesso da Bolívia diante da Venezuela é o palpite indicado para o duelo desta quinta-feira pela sétima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para Copa do Mundo do Qatar de 2022.

Prognóstico e palpite final para Bolívia x Venezuela:


Promoções

Bônus para Apostas

Dicas de aposta