Handicap. Handicap europeu. Handicap asiático. Spread. Os jargões do mercado podem até afastar os apostadores dessas possibilidades de dar palpites. A princípio parecem complicadas. No entanto, não são.

Lembra-se daquela provocação entre amigos no bar em que um diz que seu time vai ganhar e ainda dá “dois gols de lambuja”. Pois bem, essa ‘lambuja’ nada mais é que o handicap ou spread, dependendo da nomenclatura preferida pela casa de apostas em questão.

Em apostas desse tipo, parafraseando o técnico campeão mundial Carlos Alberto Parreira, o resultado do evento, seja ele um jogo de futebol, basquete, vôlei ou qualquer outra modalidade, é “apenas um detalhe”. O que vai decidir mesmo a aposta é soma ou diminuição do handicap ao placar da disputa.

Ferramenta é usada para permitir lucros maiores

É bem possível que algumas pessoas possam perguntar qual é a razão de fazer apostas com handicap se o resultado é suficiente para definir quem é ganhador da partida e, consequentemente, se o palpite foi bem-sucedido ou não. O motivo para isso é bastante simples: os cupons que usam o mercado de handicap abrem a possibilidade de alcançar lucros maiores.

Apostas com handicap permitem alcançar lucros maiores com grandes favoritos

Vamos a um exemplo.

No duelo entre Lille e PSG, agendado para 3 de fevereiro de 2018 pelo Campeonato Francês, são colocados lado a lado um time que está na zona de rebaixamento e outro que é o líder do Campeonato. A diferença técnica teórica entre eles é expressada claramente através das cotações oferecidas.

Em Sportingbet, por exemplo, o mercado “vencedor 1 x 2” oferece cotação de 18,00 para cada real apostado em caso de sucesso do Lille, que mesmo jogando em casa é considerado um grande azarão. Empate tem retorno de 7,50 e sucesso do Paris Saint-Germain paga 1,14. Ou seja, se o favorito vencer, o lucro obtido será de 14%. No entanto, esse número poder ser turbinado para 115% ao recorrer à ferramenta do handicap.

1x2lillexpsg

Handicap ‘muda’ o placar inicial do jogo

Imagine que você acredita que o PSG deve vencer sem maiores problemas. Então, pode usar a aposta com handicap 1 para o Lille. Isso significa que, quando a bola rolar, para a definição desse bilhete o placar não estará em 0 a 0, mas sim apresentando 1 a 0 para os donos da casa.

Assim, o time parisiense só será considerado vencedor se o marcador final o colocar em vantagem de dois ou mais gols. Nesse cenário, se o resultado das quatro linhas for 0 x 2, para a aposta, o marcador vai apontar 1 x 2. Isso significará sucesso do PSG e lucro de 45% obtido através da cotação de 1,45 por real investido.

handcapppsg

Caso o apostador acredite que o PSG tem qualidade técnica o suficiente para abrir vantagem ainda maior no marcador, pode recorrer ao handicap 2 para o Lille. Assim, o time de Neymar, Cavani e Mbappe começaria o jogo perdendo por 2 a 0 e precisaria de, no mínimo, de três tentos para reverter essa desvantagem e gerar um lucro de 115%.

Possibilidade também serve para turbinar ganhos com zebras

Embora seja usualmente utilizada como método para apostar em grandes favoritos, a ferramenta de handicap também abre a possibilidade de turbinar ganhos com zebras. Seguindo o mesmo exemplo, seria possível arriscar em vitória do Lille com handicap de menos um.

Quanto maior a margem de segurança menor é a cotação!

Dessa maneira, quem sairia em vantagem no ‘placar virtual’ seria o PSG. Para que o palpite fosse considerado vencedor, o time da casa precisaria abrir uma frente mínima de dois gols ao longo dos 90 minutos. Para o bolso, isso significaria que o capital investido nessa hipótese, que seria multiplicado por 18,00 em caso de sucesso da equipe da zona de rebaixamento, propiciaria um retorno de 31,00 por real investido.

Mercado permite até palpites de segurança

Embora o enfoque principal do uso de mercado de handicap seja alavancar os lucros, ele também oferece a possibilidade de ser aplicado para um efeito contrário: criar apostas de segurança. Utilizando o mesmo exemplo citado acima, quem acredita em uma vitória do PSG pode investir nessa possibilidade com handicap de 1 para a equipe multicampeã francesa. Assim, caso o jogo fique no empate, o time será apontado como vencedor.

Naturalmente, nesse caso, a cotação em vez de subir será reduzida. Em vez de faturar 1,14 por 1, o prêmio será de 1,01. É o preço a se pagar por ter uma margem de segurança maior.

Opção é mais popular nos ‘esportes americanos’

Ainda que seja utilizada no futebol, que é o carro chefe das casas de apostas, a opção de handicap é mais largamente aplicada em modalidades que apresentam a possibilidades de placar mais alargado. É o caso dos chamados “esportes” americanos como, principalmente, o basquete, mas também o futebol americano e o beisebol.

Trata-se de um mercado amplamente utilizado nos Estados Unidos e Canadá, onde é mais comumente rotulado como spread.  Mesmo que o nome seja diferente, o mecanismo é o mesmo.

Veja por exemplo os valores oferecidos pela casa de apostas Bodog, que é originária do Canadá, para a partida envolvendo Oklahoma City Thunder e Washington Wizards, pela temporada regular da NBA, a liga profissional de basquete dos Estados Unidos.

basquetebodog

Nas apostas ‘comuns’ no mercado vencedor 1 x 2, incluindo a prorrogação, o Oklahoma City Thunder aparece com prêmio de 1,606 em caso de vitória. Ao usar o handicap negativo de quatro, sua cotação sobe para 1,952. Nesse último caso, precisa de uma vitória por cinco ou mais pontos de frente para que seja considerado o vencedor.

Empate pode ser abolido com o handicap

Uma informação extra que deve ser verificada na hora de realizar apostas com handicap é sobre a modalidade que é usada pela casa de apostas. Elas podem optar pelo europeu ou pelo asiático. O funcionamento para a definição do resultado do jogo é o mesmo em ambas. O valor determinado como handicap deve ser somado ou subtraído.

Conheça nosso passo a passo para apostas com handicap!

A diferença entre elas está na hora da definição do vencedor da aposta. No handicap europeu, que é o usado no primeiro exemplo, que tem o jogo do PSG como base, o empate é considerado. No handicap asiático, só há possibilidade de arriscar palpites em vitória de um time ou de outro. Assim, em modalidades como o futebol onde a igualdade é permitida por regra, ele gera anulação da aposta. Dessa forma, nem a casa nem o apostador vencem e o dinheiro investido é devolvido para a conta.

Não é raro, inclusive, encontrar casas de apostas que oferecem a seus usuários o recurso às duas modalidades de handicap. Quando fazem isso, indicam no momento do oferecimento das cotas qual será o critério para a definição do palpite.